The words you are searching are inside this book. To get more targeted content, please make full-text search by clicking here.
Discover the best professional documents and content resources in AnyFlip Document Base.
Search
Published by marcio.valeriano, 2019-06-24 13:41:47

Revista CEARH 2019

Revista_CEARH2019_baixa

Keywords: RH,CEARH,P6 Comunicação,Recursos Humanos,ABRHES

AS PESSOAS MOVEM O MUNDO.
NóS MOVEMOS AS PESSOAS.

H á mais de 30 anos no Espírito Santo, a A ABRH-ES promove ações com o objetivo
Associação Brasileira de Recursos Humanos de disseminar o conhecimento do mundo do
(ABRH-ES), contribui para o desenvolvimento trabalho para profissionais e organizações
das organizações e atua na profissionalização da privadas e públicas.
gestão de pessoas no mercado capixaba.

É uma instituição não-governamental, sem fins CONHECIMENTO EXPERIÊNCIA PESSOAS
lucrativos, que reúne pessoas físicas e jurídicas
de diversos segmentos em seu quadro social.

PRODUTOS E SERVIÇOS

Congresso Palestras Workshops Prêmio
Fóruns Visitas técnicas Grupos de estudos Ser Humano

SEJA UM ASSOCIADO, PATROCINADOR OU VOLUNTÁRIO DA ABRH-ES!

Telefone: 27 3324-8326 / 3225-0886 / 98836-0250 (WhatsApp)
E-mail: administrativo@abrhes.org.br
Site: www.abrhes.org.br

Acompanhe-nos /abrhes
nas redes sociais:

2


Sumário revista CEARH 2019

4 6 8 9

Seja bem-vindo à 30ª edição do Construído para você A inteligência artificial e a Como não ser substituído por um
CEARH! ALESSANDRA ZANOTTI comunicação criativa robô
KÁTIA VASCONCELOS E NEIDY CHRISTO MÁRCIO VALERIANO MARTHA GABRIEL

12 15 16 18

Faça o check-in Entenda a importância de uma Inteligência artificial: o cérebro Felicidade no trabalho: alavanca
e entre na C.A.S.A mais gamificada ferramenta de gestão de saúde e eletrônico! para a inteligência criativa
do mundo! segurança do trabalho CAIO KUSTER DENIZE DUTRA
ANDRESSA PINHEIRO E JOÃO ZAGGIA SESI

21 24 26 28

Consequências sociais da Escolhas Digitalizar ou humanizar? Para onde caminha a gestão de
aplicação da inteligência GLENDA KOZLOWSKI GLAUCIMAR PETICOV pessoas?
artificial nas organizações PEDRO RAMOS
modernas
PAULO ALMEIDA 32 35 38

30 Inteligência artificial como Construindo o futuro em nossas Se o Diabo é o pai da mentira,
catalisador das organizações organizações na relação com o RH a mãe dela é o RH
Manufatura enxuta ajuda MATEUS SIMÕES DE FREITAS ARGENTINO OLIVEIRA NETO VANIA FERRARI
empresas capixabas a
aumentarem a produtividade
SENAI

41 44

Administração profissional para Inovação bem-sucedida requer
um empreendedorismo longevo envolvimento dos colaboradores
MAURO KREUZ JANETE VAZ

Todos os artigos são de opinião de seus autores.

Expediente

Publicação: Associação Brasileira de Recursos Humanos - Espírito Santo – ABRH-ES | www.abrhes.org.br
Projeto gráfico, revisão, diagramação e edição: P6 Comunicação | www.p6comunicacao.com.br
Impressão: GSA | www.graficagsa.com.br

3


Seja bem-vindo à
30ª edição do CEARH!

É com muito orgulho e em clima de Além disso, vamos mostrar como a
comemoração que recebemos você, tecnologia artificial e criativa pode prover,
nesta 30ª edição do CEARH – o ao mesmo tempo, o trabalho estratégico
maior congresso de gestão de pessoas do nas organizações, a produtividade,
Espírito Santo. orientar comportamentos e identificar
falhas de comunicação, entre equipes e
São três décadas compartilhando em outras relações de trabalho. Vamos
conhecimentos, conectando pessoas, entender como caminha essa inovação e
colecionando aprendizados e apoiando o quais são os receios e desafios enfrentados
desenvolvimento da gestão de gente em pelo mundo corporativo.
nosso Estado. Nessa trajetória, em linha
com a nossa missão, buscamos contribuir Para nos mostrar as diversas faces
para a construção de uma sociedade cada desse debate e provocar reflexões
vez melhor e mais consciente do seu papel transformadoras, o congresso traz
de transformação. palestrantes de destaque no cenário
nacional e internacional. Mas não temos
Hoje, nossas conexões e experiências nos dúvida que contar com a sua interação
mostram o quanto nos tornamos mais fará a diferença para que essa troca seja
representativos no acolhimento e na muito rica e consistente. Então, tire dúvidas,
geração de informações. Tudo isso só foi dê o seu ponto de vista, compartilhe
possível porque você acreditou, esteve ao experiências, enfim, participe ativamente!
nosso lado e sonhou junto com a gente. Por
isso, estamos muito felizes em te receber Estamos em um espaço aconchegante, na
para esta linda comemoração. E o melhor: capital do Espírito Santo, em que, além
comemorar aprendendo.
Esperamos que
Serão dois dias de trocas de experiências o CEARH te
inspiradoras sobre um tema atual e que proporcione a melhor
tem provocado muita inquietação – experiência, te inspire a
Inteligência Artificial e Criativa: Novos promover mudanças e a
Tempos, Novos Desafios. Nossa expectativa pensar diferente, rumo a
é mostrar como a transformação digital e novos desafios”
as soluções criativas se complementam,
fazendo conexões que podem revolucionar
o mercado. Criatividade humana e
máquinas podem transformar, inspirar,
construir e impulsionar o desempenho das
pessoas e dos negócios.

4


revista CEARH 2019

NEIDY CHRISTO KÁTIA VASCONCELOS
Vice-presidente da diretoria Presidente da diretoria
executiva da ABRH-ES executiva da ABRH-ES

de palestras, você encontrará uma feira e de interação. Ah, você também vai se
de negócios – a EXPOCEARH. Por lá, você deliciar com a história de 30 anos do CEARH
poderá conhecer serviços e produtos que – uma viagem no tempo!
podem auxiliar na sua gestão, ficar por
dentro do que está acontecendo entre Cada detalhe foi preparado com muita
as melhores empresas e fornecedores do dedicação, para que o CEARH 2019 te
mercado e, claro, fazer bastante networking. proporcione a melhor experiência, te
inspire a promover mudanças e a pensar
Também teremos outras atrações, como o diferente, rumo aos novos desafios do
lançamento do livro da palestrante Martha presente e do futuro. Vamos juntos? É
Gabriel, bem como espaços de relaxamento muito bom ter você aqui!

5


Construído para você

A o encerrar a última edição do O CEARH 2019 chega à sua 30ª edição
Congresso de Gestão de Pessoas do focado em proporcionar uma experiência
Espírito Santo (CEARH), em 2018, marcante aos congressistas, buscando
nossa mente já estava a todo vapor para o provocar a reflexão sobre novos conceitos,
planejamento desta 30ª edição, que é um marco ideias e tendências deste mundo VUCA (em
para nós. Nosso desafio naquele momento era inglês: Volatility, Uncertainty, Complexity,
pensar o que trazer de novo, de mais moderno, Ambiguity). E para dar conta de tanta
o que está permeando as rodas de conversas responsabilidade, buscamos em âmbito
do RH e como atender às expectativas das nacional e internacional palestrantes que
pessoas? E aí, para chegarmos à conclusão de certamente irão estimular e provocar novos
qual tema seria escolhido, participamos dos aprendizados, tanto no cenário tecnológico,
maiores fóruns na área de gestão de pessoas que ultimamente tem gerado tantas
do Brasil e fizemos benchmarking em outros curiosidades, dúvidas e incertezas, quanto no
grandes eventos até de segmentos distintos. cenário comportamental.

Finalmente, depois de tanto ouvir e conciliar O desafio de construir um grande evento é
interesses, chegamos ao valioso tema de sempre muito complexo, mas com certeza,
2019: Inteligência Artificial e Criativa: novos também muito prazeroso. Cada detalhe
tempos, novos desafios. envolve múltiplas interações, muitos detalhes e,

6


revista CEARH 2019

Alessandra Zanotti
Diretora Executiva de
Congressos da ABRH-ES

para que tudo desse certo, muitos voluntários o local escolhido para este lindo evento.
da Associação Brasileira de Recursos Humanos Esperamos de coração que o espaço seja
do Espírito Santo (ABRH-ES) trabalharam muito agradável a todos e que proporcione a
incansavelmente, desde o último trimestre comodidade e a interação desejadas.
de 2018, quando concluímos a primeira fase
do evento com as definições das principais Agradecemos a cada participante por
estratégias, comissões de trabalho, políticas de compartilhar este momento conosco. Tenha a
comercialização, contato com palestrantes e, certeza de que cada atividade deste CEARH
então, a divulgação do evento. 2019 foi desenvolvida para oferecer a melhor
experiência a você. Por isso, aproveite muito!
Nosso maior objetivo é proporcionar a você
uma programação atrativa e rica em conteúdo, Agradecemos aos nossos parceiros, apoiadores
aprendizado, com temas atuais, relevantes e patrocinadores por caminharem conosco,
e replicáveis no dia a dia dos profissionais e confiando na realização de nosso trabalho.
também das empresas. Além disso, temos
foco no êxito do evento para todos os nossos Por fim, sejam muito bem-vindos ao maior
patrocinadores, expositores, palestrantes e Congresso de Gestão de Pessoas do Espírito
mediadores, pois sem a confiança e o apoio Santo! Acredite, pensamos cada detalhe com
deles, nosso evento não aconteceria. muito carinho, para proporcionar o melhor
para você! Aproveite cada instante e inspire-
O Centro de Convenções de Vitória foi se com as novidades que você verá por aqui.

7


A inteligência artificial e
a comunicação criativa

O k, acho que está claro para todos que Márcio Valeriano
precisamos integrar a inteligência Diretor
artificial e a comunicação em P6 Comunicação
todas as suas frentes. Seja através do
monitoramento dos bancos de dados ou ferramentas, pois elas não apenas tornam nossas
com a geração de campanhas cada vez mais ações mais assertivas como acabam exigindo
individualizadas e focadas no perfil de cada mais e mais do nosso processo criativo.
pessoa ou grupos de pessoas.

Muitos segmentos da indústria têm se
sentido ameaçados pela cada vez mais
presente inteligência artificial. Mas, e nós
da área de comunicação? Em que medida a
inteligência artificial afeta nossos processos,
cuja matéria-prima principal é a criatividade?

É certo que não podemos ficar parados no
tempo. Temos, sim, que tirar proveito dessas


revista CEARH 2019

Como não ser
substituído por um robô

C om o avanço da inteligência artificial atividades profissionais hoje já pode ser
nos últimos anos, alavancado realizado por máquinas. Essa automatização
pelas tecnologias digitais, estamos galopante no mundo com a crescente
vivendo uma aceleração vertiginosa nos ascensão dos robôs faz emergir uma
processos de automação, de forma virtual, pergunta urgente para a humanidade: qual é
em tudo ao nosso redor: saúde, negócios, o impacto disso na nossa existência?
direito, comunicação, marketing, ciência,
entretenimento, criatividade etc. Apesar Nesse cenário, duas tendências – que se tornam
das estimativas de que menos de 5% gradativamente mais dominantes – tendem a
dos empregos possam ser totalmente transformar todas as atividades humanas:
automatizados no futuro, por outro lado,
30% do trabalho envolvido na maioria das 1. Automação – Tudo o que puder

9


Apesar das Martha Gabriel
estimativas de que Autora do livro “Você, Eu e os Robôs”
menos de 5% dos empregos
possam ser totalmente existe mais espaço para humanos robóticos
automatizados no futuro, – as tecnologias digitais associadas às
por outro lado, 30% do mecânicas estão libertando o ser humano
trabalho envolvido na da escravidão dos trabalhos repetitivos,
maioria das atividades sejam eles físicos ou mentais. Assim, esse
profissionais hoje já pode processo favorece o ser humano que
ser realizado por máquinas.” executa trabalho intelectual complexo,
que consegue usar e se beneficiar da
ser digitalizado e automatizado, automação tecnológica, ampliando suas
provavelmente será. capacidades humanas (ampliação).

2. Ampliação – Sistemas automatizados Dessa forma, no contexto digital que se
serão utilizados cada vez mais para auxiliar estabelece, o ser que tende a ter valor e
os humanos a ampliar e melhorar os seus sucesso é o humano digital, aquele que se
trabalhos complexos. desenvolve e educa continuamente para se
tornar o melhor humano possível, ampliado
No passado, devido à limitação tecnológica ao máximo pelas tecnologias disponíveis. Os
existente, diversas atividades repetitivas humanos essenciais na era das máquinas são
precisavam ser executadas por humanos. aqueles que desenvolvem simbiose digital, não
Na era digital, esses trabalhos repetitivos os robóticos; aqueles que sejam emocionados,
– braçais ou intelectuais – passam a emocionantes, apaixonados e apaixonantes,
ser realizados cada vez mais por robôs educados, conectados e que consigam viver
(automação). Consequentemente, não em harmonia com humanos e máquinas.

10 Para não ser substituído por um robô, não
seja um robô.


O mundo se transformou.
Nosso aço também.

P6

Buscamos soluções inovadoras para que o
aço seja mais leve, resistente, sustentável e,
consequentemente, agregue valor aos produtos.

Seja para produzir latas para tintas,
eletrodomésticos ou componentes para um carro,
nosso compromisso com a excelência é o mesmo.

/ArcelorMittalTubarao transformando
@ArcelorMittalTubarao o amanhã


Faça o check-in
e entre na C.A.S.A mais
gamificada do mundo!

F alar de Gamification na atualidade conexão presencial entre as pessoas,
é falar de milhares e milhares de através do Gamification Humanizado,
pessoas “mergulhadas” no mundo objetivamos ampliar as possibilidades e,
dos Games, um mundo que gera trilhões a cada aprendizado, extrair o melhor para
de possibilidades e que não é mais uma avançarmos cada vez mais no mundo do TeD.
tendência e sim uma REALIDADE atual.
Desta forma, você já pensou em ter
Gamification, segundo Kall M. Kapp, grande insights e experiências inspiradas na casa
estudioso sobre o tema e aplicações no mais “gamificada” do mundo? Sim, é
mundo digital, é o uso de mecânicas, possível! O The Great Escape Lakeside,
estética, elementos e pensamentos de situado na Flórida, ficou conhecido
jogos em ambientes de não jogo, com mundialmente por ser um espaço inovador
o objetivo de engajar pessoas, motivar para o entretenimento, através da sua
a ação, promover aprendizagem e customização inspirada em jogos, onde
resolver problemas. Buscando uma maior podemos “transPIRAR” em possibilidades

12


de aplicação para superar os desafios do revista CEARH 2019
mundo corporativo, de maneira divertida e
com conteúdo. Assim pensamos em fazer Caso algo saia do planejado, afinal, estamos
analogias, cuidadosamente, dos pilares que lidando com diferentes grupos e pessoas,
ali foram construídos. estou preparado para mudar a “rota”?

Explorar essa C.A.S.A (Compreensão, Avaliação, Enfim, o Gamification amplia possibilidades
Solução e Aplicação) é ter ensinamentos para transmitir conteúdos diversos
dentro de uma incrível e inusitada experiência utilizando-se de experiências criativas, mas
através do Gamification Humanizado. Abordar devem ser tomados diversos cuidados com
e vivenciar esses 4 principais pilares da C.A.S.A., o que a C.A.S.A pode nos transmitir. Todo
para a elaboração de projetos gamificados: cuidado é pouco!!! Vale refletir!!!

Compreensão – Compreender os fatores Vamos apertar o play!!!
que motivam o projeto de Gamification.
Essencial para que possamos entender os Andressa Pinheiro e João Zaggia
porquês da realização do projeto. Desenhar TriUnica
um projeto gamificado exige uma atenção
detalhada dos porquês.

• Por que realizar?

• Por que investir?

• Por que essa ferramenta?

• Por que esse público?

Avaliação – Avaliar os obstáculos a serem
superados. O desenho do projeto deve ser
construído de acordo com os obstáculos
que teremos pela frente, ou seja, não adianta
pensar em conteúdos enormes, em que a
mecânica e o tempo do Gamification não são
possíveis de serem realizados, e vale essa
reflexão e cuidado entre outras avaliações.
Devemos analisar detalhadamente.

Solução – Solucionar utilizando os recursos
disponíveis para a elaboração dos projetos,
através do Gamification. Será que temos
clareza das diversas soluções?

Será que os recursos que temos são
suficientes para a solução do projeto?

Se os recursos não comportam para solucionar,
o que podemos fazer ou não fazer?

Aplicação – Hora da execução. Quando
chegamos à aplicação, devemos estar
atentos também a diversas perguntas
inquietadoras e que farão a diferença para o
resultado final.

13


MAIS INTELIGÊNCIA. CONTE COM UMA
MAIS SAÚDE. PLATAFORMA COMPLETA
EM GESTÃO DE SST.
MAIS RESULTADOS.
Problemas relacionados a Saú-
de e Segurança no Trabalho
trazem muitas despesas para
a indústria. O Sesi Viva+ é
a solução completa para sua
empresa reduzir gastos com
despesas legais e aumentar o
rendimento da equipe. Tudo
isso de maneira totalmente in-
tegrada com as novas regras do
eSocial.

SAIBA MAIS EM:

sesivivamais.com.br

3334-5929

/SESI ES /SESI

14


revista CEARH 2019

Entenda a importância
de uma ferramenta
de gestão de saúde e
segurança do trabalho

C om a obrigatoriedade do eSocial, é Neste contexto, a gestão integrada de
cada vez mais necessária a utilização SST só é possível por meio de plataformas
de ferramentas de gestão dessas tecnológicas que alertem sobre processos
informações. E a indústria pode contar com o e conformidades com os programas legais.
apoio do SesiViva+ para essa missão. Para apoiar a indústria nesta missão, o Sesi
criou a plataforma online SesiViva+.
Com o atual cenário do eSocial, sistema do
Governo Federal que unifica as informações “Ela é toda parametrizada para atender
trabalhistas, previdenciárias, tributárias e fiscais a área de SST, com foco nas principais
relativas à contratação e utilização de mão de normas regulamentadoras da indústria e
obra pelas empresas, torna-se necessário o uso alinhada com o eSocial”, afirma o diretor de
de ferramentas de gestão desses dados. Saúde e Segurança na Indústria do Sesi-ES,
Júlio Zorzal.
No caso da saúde e segurança do trabalho
(SST), muitas informações são fatos A plataforma ajuda a reduzir custos
geradores das principais obrigações associados com SST e riscos de passivos
trabalhistas e previdenciárias do processo de trabalhistas, além de possibilitar o
gestão da vida laboral, os quais necessitam atendimento aos requisitos normativos
obrigatoriamente integrar com os processos e o envio de informações para o eSocial.
internos de recursos humanos. Acesse www.sesivivamais.com.br/.

Serviço Social da
Indústria (Sesi)

15


Inteligência artificial: o
cérebro eletrônico!

É incrível como o futuro é algo industrial e a da informação. De 1920 para a
imprevisível em sua totalidade. Nem atualidade, atravessamos modelos centrados
os filmes mais futuristas das décadas em produto (1920), processos de produção
de 80/90 poderiam prever com detalhes (1950), qualidade (1970), competitividade/
que algum dia os ativos mais importantes globalização (1990), informação (2000)
de uma economia não seriam o produto, e conexão (2009 -19). É fato que grandes
o processo produtivo ou o serviço, mas revoluções e disruptividades estão
os dados, a classificação, a catalogação acontecendo em ciclos muito mais curtos de
e a ordenação destes dados. E que esse tempo, o que reforça a percepção de que,
ativo pode possibilitar a parametrização de por certo mesmo, somente a mudança.
sistemas, desenvolvimento de tecnologias,
formas de pensar, alimentando máquinas Vivemos agora (junho de 2019) o desafio de
para que estas possam ser até mesmo estabelecer a convivência entre ser humano
autoras de ideias e invenções. e tecnologias que extinguem postos de
Historicamente, passamos por ao menos trabalho, promovem maior produção e
três grandes revoluções: a agrícola, a eficiência, com autonomia das máquinas,
inclusive capacidade destas em aprender,
16 refletir e decidir! Essa revolução é silenciosa,
mas poderosa. Afinal, já incorporamos
celulares capazes de entender a voz
humana, sistemas de reconhecimento de
imagem, diagnósticos de saúde e mais:

sistemas que entendem o que gostamos
(quando acessamos o Netflix, YouTube,
Spotfy, Ifood).

Com a inteligência artificial, as
máquinas já são capazes de
executar tarefas antes exclusivas

dos humanos com mais eficácia,
produtividade e menor risco.
Mas será que a tecnologia vai
acabar com os empregos? Como
equalizar o número de novos
postos de trabalho que surgem
por demanda das tecnologias com
aqueles que se extinguem todos os
dias com elas?

Caio Kuster
Kuster & De Angeli Advogados


Sem dúvida alguma, a tecnologia impacta Com a inteligência
porque mobiliza o mercado de trabalho. Se artificial, as
pensarmos o futuro dentro da caixinha do máquinas já são capazes
presente, dificilmente vamos encontrar a de executar tarefas antes
resposta para todas as questões iminentes exclusivas dos humanos
da introdução e evolução da inteligência com mais eficácia,
artificial na vida das pessoas. Assusta no produtividade e menor
presente, mas o tempo e o futuro trarão risco. Mas será que a
respostas que hoje não conseguimos prever. tecnologia vai acabar
com os empregos? Como
Será que alguém conseguiria prever o equalizar o número de
que fariam os milhares de telefonistas novos postos de trabalho
que perderam o emprego com a que surgem por demanda
automatização das ligações ou o que seria das tecnologias com
dos milhares de laboratórios de revelação aqueles que se extinguem
de fotografias?! E as locadoras de vídeos? todos os dias com elas?”
Já nem lembramos de tantos negócios
que perderam sentido de existência e
postos de trabalho desaparecidos, porque
vivemos o hoje.

Parafraseando Silvio Meira: a melhor maneira
de prever o futuro é estar nele! O que você
está fazendo para acompanhar o futuro que
está chegando?


Felicidade no trabalho:
alavanca para a
inteligência criativa

A Revolução 4.0 caracterizada pela e que pode ser entendida como processos
transformação digital e o uso da mentais, por meio dos quais procuramos novas
inteligência artificial, paradoxalmente, e inéditas formas de ver, entender e fazer as
exige desenvolver a inteligência criativa coisas. A relação felicidade-produtividade, bem
para usar o talento humano onde ele poderá como, felicidade-criatividade e seus impactos
promover inovações, tomada de decisões e nos resultados nas organizações têm sido
relacionamentos. constantemente debatidas na academia e no
mundo dos negócios.
A inteligência criativa é uma das cinco forças
do saber estudadas pela psicologia positiva Martin Seligman define que o bem-estar

18


revista CEARH 2019

depende de cinco elementos: relações Denize Dutra
construtivas, engajamento, realização pessoal, Professora da FGV
senso de propósito e emoções positivas.
Quando analisamos estes elementos na faz bem e o que o mundo precisa que seja
perspectiva do trabalho, percebemos que feito. Num ambiente onde existe espaço
existem fatores intrínsecos e outros que para criar, aumentam as possibilidades de
dependem de as organizações promoverem realização pessoal.
ambientes saudáveis de trabalho, que
facilitem a percepção de felicidade por parte Emoções positivas são decorrentes
do indivíduo e uma sensação que permita essencialmente do grau de inteligência
emergir a inteligência criativa. A qualidade, emocional do sujeito, de sua saúde física e
o grau de cooperação e confiança destes mental, das condições de trabalho, de seu
relacionamentos afetam o quanto as pessoas índice de satisfação com a empresa, que
se sentem confortáveis para correr risco de por sua vez podem ser alavancadores da
errar quando colocam o seu potencial criativo inteligência criativa.
para fazer novas experiências no trabalho.
Sentir-se parte integrante da empresa e ter Profissionais de RH têm um papel
clareza da contribuição que seu trabalho fundamental de cuidar das pessoas, e por
gera e do quanto os seus valores, objetivos, isto prover políticas, processos, sistemas
expectativas individuais estão alinhados com e ferramentas de gestão de pessoas que
a organização fortalecem o engajamento e contribuam para criar um ambiente favorável
estimulam o potencial criativo. ao desenvolvimento da inteligência criativa
e a promoção dos cinco elementos da
Senso de propósito passa pela consciência felicidade. Fica uma reflexão: o próprio
do “porquê” você trabalha, é a conexão entre profissional de RH está feliz com seu trabalho
o que você gosta de fazer com o que você e está colocando a sua inteligência criativa a
serviço das transformações organizacionais
que se fazem necessárias para darmos conta
dos desafios da Revolução 4.0?

19


INVESTIMOS
NO FUTURO,
CONSTRUINDO
AGORA,
PARCERIAS
AUTÊNTICAS
E OTIMISTAS.

Somos uma empresa de serviços, com atuação nas
seguintes áreas:

• Auditoria • Consultoria • Tributos • Pessoas • Outsourcing

A Baker Tilly é uma empresa líder em auditoria, consultoria e tributos. Integramos uma rede global de firmas de auditoria e consultoria
Nosso time conta com profissionais reconhecidos, que amam o que presente em 145 países. As empresas que integram a rede são
fazem, e por isso, fornecem insights aos clientes para alavancar entidades legais e independentes. O uso do nome, da marca e
oportunidades e antecipar mudanças. da metodologia está condicionado ao atendimento de políticas,
regulamentos e padrões de qualidade.
Com atuação orientada para proteger os valores dos nossos clientes,
estamos presentes no seu dia a dia, resolvendo os problemas mais + 55 27 3314-5610 /bakertillybra /bakertillybra
urgentes e ajudando a aproveitar novas oportunidades. vitoria@bakertillyes.com.br /bakertillybra /bakertillybra
www.bakertillybr.com.br


Consequências revista CEARH 2019

sociais da aplicação da
inteligência artificial nas
organizações modernas

A revolução da IA está aqui. novos desafios às organizações. A boa
Uma convergência de saltos notícia é que os investidores veem o
tecnológicos, transformações valor da aplicação da IA, aprendizado
sociais e necessidades econômicas de máquina e técnicas de aprendizado
genuínas superaram décadas de inércia, profundo, para resolver muitos dos desafios
levantando a IA de suas raízes acadêmicas empresariais em múltiplas indústrias e
e a impulsionando para a frente dos setores da economia moderna. A má
negócios e da indústria. notícia é que não há cientistas de dados
suficientes disponíveis. No momento,
No atual contexto social e organizacional, quase todas as soluções baseadas em
a guerra pelo talento aumentará e lançará inteligência artificial exigem “humanos

Tanto no mundo dos
negócios quanto
em nossas vidas pessoais,
as interações sociais
alimentadas pela IA
tornaram-se onipresentes
e extremamente
convenientes. À medida
que descobrimos o
imenso potencial da
IA, é essencial saber
onde isso agrega valor à
sociedade no momento.”

Paulo Almeida
Fundação Dom Cabral

21


no loop”. A crescente popularidade das A IA também está no centro das melhores
soluções baseadas em IA está criando uma experiências dos clientes atuais. Mas à
necessidade insaciável por pessoas com medida que descobrimos o imenso potencial
habilidades em ciência de dados, negócios, da IA, é essencial saber onde isso agrega
conhecimento e domínio especializado. valor à sociedade no momento.

Embora pareça improvável que nossos Para alguns dos especialistas mais críticos
sistemas educacionais mudem rapidamente e pessimistas sobre as consequências
e o suficiente para produzir uma nova sociais da aplicação da inteligência
geração de cientistas de dados, a próxima artificial nas organizações modernas, um
grande tendência no desenvolvimento de IA ritmo gradual de implantação da IA, ao
provavelmente envolverá níveis mais altos longo de um período de três gerações,
de automação. À medida que os sistemas proporcionaria um período de adaptação
de inteligência artificial se tornam mais suficiente e ajudaria a sociedade a
refinados e sofisticados, menos os humanos absorver o choque das perdas de emprego
serão obrigados a gerenciá-los. e a elaborar políticas de compensação e
políticas demográficas.
Tanto no mundo dos negócios quanto
em nossa vida pessoal, as interações Esse é um desafio de futuro e sua
sociais alimentadas pela IA tornaram-se implementação precisa ser discutida
onipresentes e extremamente convenientes. urgentemente.

22


Contratarestagiários e aprendizes éuma DESCUBRA NOVOS
grande oportunidade para que jovens possam TALENTOS
se desenvolver. Investimento nas futuras
gerações de profissionais, para empresas
privadas, órgãos públicos e profissionais liberais.


Escolhas

B ala ou chiclete??? Lembro-me da Eu gostava muito de competir! O balanço do
minha avó me fazendo essa pergunta mar, a espera pela onda ideal, o pôr do sol,
quando eu era garotinha. Como tudo isso era bom demais. Ganhar era apenas
qualquer criança, eu queria os dois, mas ela um detalhe. Aliás, perdi muito mais do que
me ensinou desde pequena a fazer escolhas. ganhei troféus. Em compensação, na vida,
Muito prazer! Sou Glenda Kozlowski, jornalista ganhei ensinamentos que me inspiram até
esportiva, repórter, narradora e apresentadora hoje. E depois de ganhar tantos títulos estava
do Grupo Globo, há mais de 25 anos. na hora de fazer uma nova escolha. Não era
Certamente, você já deve ter me visto tão simples quanto escolher bala ou chiclete,
alguma vez na TV. Foram muitas matérias, mas igualmente necessária.
coberturas e programas que fiz durante todo
esse tempo. O que talvez você não saiba é Foi assim que escolhi o jornalismo e
que, antes de ingressar no jornalismo, eu fui novamente ganhei ensinamentos incríveis. No
atleta profissional. Sim, no bodyboard – uma começo tive muito medo! Mudar de carreira
antiga forma de surf – conquistei quatro de forma tão radical, abandonar uma posição
títulos mundiais, cinco brasileiros, dois norte- na qual já se é consagrada e reconhecida
americanos e três australianos. não é uma escolha fácil, pelo contrário. Mas,

O futuro já chegou.
E, diante desse
novo cenário, mais uma
vez escolho abraçar
um novo desafio:
compartilhar minha
experiência e minhas
escolhas por meio
de palestras. Ah,
que delícia contar e
ouvir histórias!”

Glenda Kozlowski
é jornalista esportiva, repórter,
narradora, apresentadora e
palestrante

24


a vida é feita de desafios a todo instante. Eu mais velozes. Eu já não faço jornalismo
sabia que os ventos tinham mudado e havia como há algum tempo. O espectador
uma nova onda para mim. Então, agarrei a deseja ver e ouvir algo compatível com o
oportunidade e fui em frente. Conheci lugares cenário e ambiente que o mundo de hoje
admiráveis, fiquei muitas horas longe de nos proporciona. Algo dinâmico, moderno,
casa e sem dormir, desbravei os momentos digital! Não há mais como ficarmos estáticos.
mais importantes do esporte mundial, chorei Precisamos estar atentos às novas ondas
de cansaço e saudade, ouvi muito mais que a vida nos oferece e, com coragem e
“nãos” do que eu gostaria, vibrei com cada determinação, subir na prancha e surfar!
conquista minha e do meu time. Ah, e que O futuro já chegou. E, diante desse novo
time! Quantas pessoas talentosas, cheias cenário, mais uma vez escolho abraçar um
de vida e de coragem me acompanharam e novo desafio: compartilhar minha experiência
me acompanham nessa jornada toda. Como e minhas escolhas por meio de palestras. Ah,
precisamos urgentemente de humildade para que delícia contar e ouvir histórias! Que troca
reconhecer que nossos méritos coletivos rica, cheia de significado. Mais um pedacinho
são muito mais importantes do que os da Glenda está sendo construído.
individuais, que as nossas escolhas impactam
não somente a nossa vida como também a Eu desejo que você não se afogue no mar
daqueles que estão conosco no dia a dia. de oportunidades, mas esteja atento às
mudanças dos novos tempos, buscando ser
Hoje, quando olho para trás, vejo o quanto uma pessoa, um profissional, cidadão, pai,
cresci pessoal e profissionalmente. Foram mãe, filho, filha, melhor. Faça escolhas sábias
muitas mudanças e elas estão cada vez e viva com intensidade!

anuncio_saida.pdf 1 17/05/2019 13:53:13


Digitalizar ou
humanizar?

P refiro pensar em humanizar e digitalizar, Essencialmente, acredito que a gestão de
afinal, a questão envolve convergências pessoas no futuro continuará centrada
e propósitos. Devemos ter em mente nas competências humanas, tendo as
que a transformação digital é um processo tecnologias, sobretudo as mais avançadas,
inexorável, que envolve empresas, instituições como facilitadoras para alcance e
e, essencialmente, nossos hábitos como superação de resultados. Esse cenário,
cidadãos e consumidores. que estimula o trabalho integrado e
colaborativo, também proporciona às
A influência no trabalho, por exemplo, é pessoas melhores condições para novas e
absoluta, considerando que a empresa é diferenciadas experiências.
estruturada por processos integrados a partir
de suas tecnologias. Há muito, passamos O que comentamos e chamamos de
da transição dos meios analógicos para RH do futuro – que em muitos aspectos
os digitais. Essa evolução não é apenas vivenciamos hoje – encontrará funcionários e
perceptível em todos os ambientes, é uma colaboradores interagindo com plataformas
realidade que impacta comportamentos, digitais fomentadoras de conhecimento
competências e relacionamentos, resultando e desenvolvimento, proporcionando,
em novas abordagens e perspectivas que juntamente com outros elementos
tornam as práticas de RH, a gestão de ambientais e comportamentais, maior
pessoas e a educação continuada ainda mais produtividade e equilíbrio entre vida
importantes e estratégicas em uma empresa. profissional e pessoal.

26


Há muito, passamos Glaucimar Peticov,
da transição dos meios Diretora Executiva do Bradesco
analógicos para os digitais e
essa evolução não é apenas
perceptível em todos os
ambientes, é uma realidade
que impacta comportamentos,
competências e
relacionamentos, resultando
em novas abordagens e
perspectivas que tornam
as práticas de RH, a gestão
de pessoas e a educação
continuada ainda mais
importantes e estratégicas em
uma empresa.”

Acesse nossas redes sociais: R. Aluysio Simões, 172 , Bento Ferreira, Vitória/ES

www.craes.org.br


Para onde caminha a
gestão de pessoas?

E stamos a viver o momento 4.0 da conjuntos, tendo em vista a permanente
história da humanidade! A revolução antecipação de cenários, a constante
digital em curso trouxe novos desafios construção de novas soluções criativas de
impulsionados pela importância dos sistemas abordagem aos mercados e aos clientes e a
e modelos de inteligência artificial e criativa uma total dedicação a práticas interativas que
que estão a inundar o mundo, as sociedades, dão potencialidade a uma visão experiencial
as nossas empresas… e que vêm impactar de excelência para todos os participantes.
fortemente todo o nosso (novo) MUNDO
CORPORATIVO! Hoje, as empresas estão profundamente
empenhadas e focadas na chamada
Faz todo o sentido falar de uma nova Gestão sustentabilidade do negócio.
de Pessoas 4.0!
O negócio é “rei” até porque passou a ser
É tempo de abandonar velhas e obsoletas impossível, devido aos contextos econômicos,
técnicas e metodologias de gestão das sociais e políticos da tal sociedade VICA,
pessoas nas nossas empresas, associadas efetuar planejamentos de longo prazo, e o
a processos rotineiros e que em nada sucesso do negócio depende sobretudo da
agregam valor no quadro de um mundo capacidade de flexibilidade, de gestão das
cada vez mais VICA (Volátil, Incerto, ambiguidades e jogar na antecipação, na
Complexo e Ambíguo) onde Pessoas & criatividade e na capacidade de todos e de
Negócios terão de construir caminhos cada um se reinventar.

Aprender,
desenvolver,
errar, agilizar, criar
mobilizar e reconhecer
são hoje mais do
que palavras ‘de
ordem’, são os
segredos mais
bem guardados
das empresas!”

Pedro Ramos
Diretor de Recursos
Humanos do Grupo
TAP Air Portugal

28


Ora, este é o “terreno fértil” para emergir revista CEARH 2019
uma nova visão sobre o papel das pessoas
nas empresas. Estas passaram a valer Desta forma, deixou de haver uma área
pelo seu know-how, competências críticas específica de Gestão de Pessoas na
detidas, mas sobretudo pela capacidade de empresa. Assiste-se a uma descentralização
modificar os seus comportamentos e adotar desta função, dado que as lideranças da
as atitudes certas, em linha com o próprio empresa são os verdadeiros gestores de
desenvolvimento do negócio. “Pessoas pessoas.
únicas” é cada vez mais o lema dos atuais
contextos, sendo que com a sua criatividade, Desta forma, as empresas promovem
talento e automotivação, poderão garantir a modelos interativos, “inteligentes” e, cada
tal sustentabilidade do negócio. vez mais, mobile, que estimulem e alimentem
a necessidade de informação, conhecimento,
Eu diria mais… esta dualidade entre as qualificação e reconhecimento destes novos
pessoas e o próprio negócio é tão forte, agentes do negócio.
que em muitos casos o sucesso do negócio
só é obtido por meio da aceitação de que Aprender, desenvolver, errar, agilizar, criar
as “pessoas são parte do próprio negócio”. mobilizar e reconhecer são hoje mais do que
Elas são, para o bem ou para o mal, uma palavras “de ordem”, são os segredos mais
espécie de “autores” do próprio negócio e bem guardados das empresas!
seus assumidos Agentes do Negócio!
Bem-vindo ao CEARH 2019, pois é de
pessoas que vamos falar!

29


Manufatura enxuta
ajuda empresas
capixabas a aumentarem
a produtividade

O Senai-ES oferece a Consultoria em Focada na eliminação de desperdícios, a
Manufatura Enxuta, que no último filosofia operacional criada no Japão após
ano registrou um aumento de 59% da a Segunda Guerra Mundial pela montadora
produtividade das 147 empresas participantes. Toyota ganha relevância na Quarta Revolução
Industrial. E para ajudar as indústrias
Um dos caminhos para elevar a capixabas a se inserirem neste contexto, o
produtividade da indústria, tornando-a Senai atua como aliado das empresas na
mais competitiva, é utilizando o Lean busca pelo aumento da competitividade. “O
Manufacturing ou manufatura enxuta, programa disponibiliza atendimento de alta
uma técnica de produção industrial que performance feito pelos nossos consultores
compreende conceitos de sustentabilidade, nos Institutos Senai de Tecnologia”, explica
eficiência e melhoria contínua da a diretora de Tecnologia e Inovação do
produtividade e qualidade. Senai-ES, Juliana Gavini.

Na consultoria, os processos são mapeados
e os gargalos de produção identificados.
Aplicando o Lean, soluções são executadas
para eliminar desperdícios de produção.
Como resultado, as empresas passam a ter
produtos e serviços de maior qualidade, em

menor tempo e custo de produção.

Serviço Nacional da
Indústria (Senai)

30


Inteligência artificial
como catalisador
das organizações

Q uando se ouve falar em termos A inteligência artificial é uma área da
como inteligência artificial, ciência da computação relacionada ao
blockchain, big data, quarta desenvolvimento de dispositivos e sistemas
revolução industrial, internet das coisas capazes de simular as competências
e robótica, muitos questionamentos e humanas de raciocinar, compreender e
preocupações relacionados com o futuro resolver problemas e se adaptar a novas
surgem nas pessoas e organizações. situações. E, por se tratar de inovação
tecnológica disruptiva, pode provocar
Em uma realidade progressivamente grandes impactos de abrangência mundial.
impactada pelo desenvolvimento De acordo com um estudo publicado
tecnológico, em que o mundo pelos organizadores do Fórum Econômico
notoriamente evolui com muita Mundial, somente nos EUA cerca de 1,4
velocidade, já não é mais novidade que a milhão de empregos serão afetados pelas
tecnologia está mudando a forma com que novas tecnologias até 2026.
as coisas acontecem e nos levando para
um futuro cada vez menos previsível. Na indústria, já se pode colher alguns
benefícios claros das aplicações destas
novas tecnologias. Como o caso da
aplicação de manutenção preditiva nos
equipamentos, por meio do uso de sensores
que mensuram parâmetros como ruído,
vibração, corrente elétrica entre outros.

Eles estão conectados a um sistema com
inteligência artificial, que monitora,
entende e toma decisões em relação
às alterações destes parâmetros de
forma cada vez mais acurada. De
acordo com um artigo publicado
pela Deloitte, uma das maiores
empresas de consultoria do
mundo, isso poderia significar uma
economia de até U$ 50 bilhões
anuais no setor.

Mateus Simões de Freitas
Diretor Regional do SENAI/ES e
Superintendente do SESI/ES

32


Em um relatório, também publicado Em uma realidade
no Fórum Econômico Mundial, foram progressivamente
expostas as 10 habilidades mais impactada pelo
importantes para os profissionais desenvolvimento
do futuro. Dentre algumas, se tecnológico, em que o
destacam a capacidade de resolver mundo notoriamente
problemas, criatividade, pensamento evolui com muita
crítico e inteligência emocional. velocidade, já não é
O mais interessante é que todas mais novidade que a
são relacionadas a competências tecnologia está mudando
comportamentais e não a competências a forma com que as coisas
técnicas, como estávamos acostumados acontecem e nos levando
com o passado. para um futuro cada vez
menos previsível.”
A consolidação das novas tecnologias
gera valor agregado para a economia
e empregos de qualidade para as
pessoas. Mudar, inovar, sair da zona de
conforto, rever paradigmas e imergir
nesse encadeamento de novidades
e oportunidades são estratégias que
catalisam a evolução das organizações.
A transformação que nos move começa
pelas pessoas.

ANÚNCIO 1/2

Max People


revista CEARH 2019

Construindo o futuro
em nossas organizações
na relação com o RH

V ivemos hoje um momento de transformação – e que permeia (e deve
ruptura do status quo, muito permear) os mais diferentes processos.
impulsionado pelas evoluções no
digital, globalização e pelos novos modelos Temos claro que o futuro do que
de negócio, o que nos leva, dentro da esfera conhecemos por RH não será o mesmo. E
corporativa, a uma intensa discussão dos se conseguirmos unir toda essa gama de
processos atuais e, consequentemente, de tecnologia com ações práticas e retorno para
conceitos como o da Indústria 4.0. o negócio, sem dúvida haverá uma natural
alavancagem da disciplina em termos de
Num primeiro momento, a proposta relevância e olhar estratégico.
pode nos parecer distante de áreas
como a de Recursos Humanos, quando Diante dessa transformação, acredito
comparada a Supply Chain, Vendas ou que a atenção dos profissionais de RH
Tecnologia da Informação, por exemplo. inevitavelmente passará em um futuro muito
Mas diferentemente do que se imagina, breve por um (ou alguns) dos tópicos abaixo:
nós, profissionais de gestão de pessoas,
temos, sim, uma ligação direta com essa – A estrutura de Big Data poderá
proporcionar melhores informações e
direcionadores para tomada de decisão.
A importância desse novo modelo de
informação se dá pelo fato de que, de

maneira geralA, daadtoisveidrealadtóeriopsrgienrcadiposal
será transformada.

O RH deverá incorporar
outras habilidades,
como noções básicas

e intermediárias de TI,
Marketing e Estratégia
para ampliar a sua
presença em diferentes
áreas da empresa.”

Argentino Oliveira Neto
Gerente Executivo de Gente e
Gestão da Suzano

35


pelo departamento de RH de uma empresa Marketing e Estratégia para ampliar a sua
não inspiram muita confiança entre os presença em diferentes áreas da empresa.
gestores. Segundo pesquisa da IBE Business
Education, apenas 16% dos CEOs afirmam – Também serão capacitados para
receber dados compreensíveis provenientes avaliar e gerenciar aplicativos externos
do RH, capazes de orientá-los na tomada de e construir interfaces entre eles, suas
decisões estratégicas efetivas. Esse fato é informações e aplicações.
totalmente compreensível se pararmos para
pensar que questões como produtividade de – Outra importante mudança é a
funcionários, alcance de metas empresariais descentralização do RH que, por meio da
e contratações certeiras são sensíveis e tecnologia e democratização das informações,
bastante subjetivas em muitos casos. permitirá ceder algumas funções atuais desses
profissionais às lideranças.
– Estrutura e dimensão serão redefinidas.
Os profissionais da área deixarão de Ao meu ver, esses são alguns dos muitos
executar algumas de suas funções atuais. desafios que já começamos a enfrentar
Os mesmos passarão a entender do negócio para a implementação desse novo perfil
tanto quanto colaboradores que estiverem de profissional do RH, mais estratégico e
inseridos nesse contexto. focado no negócio. Trata-se do começo de
uma jornada. Acredito que compartilhando
– A atividade principal será transformada. os desafios e as visões, poderemos
O RH deverá incorporar outras habilidades, aproximar esse futuro cada vez mais ao
como noções básicas e intermediárias de TI, nosso presente.

36


Se o Diabo é o pai
da mentira, a mãe
dela é o RH

E stá na Bíblia, poxa! Não fui eu quem E então, os profissionais da área vão se
inventou isso. Lá no livro de João, no defender dizendo que quem faz estas
capítulo 8 está escrito que “O Diabo, maldades geralmente é o gestor. Vocês têm
quando mente, fala a sua própria língua, razão em apontar o líder como mentiroso,
pois é mentiroso e pai da mentira”. Mas mas quem botou esse cara lá, senão o RH? Ou
uma criança não nasce sem mãe. E eu estou ainda, se não o fez diretamente, foi conivente?
elegendo o RH como parideira da mentira em
muitas empresas que estão por aí. Fizeram uma pesquisa recentemente
perguntando aos presidentes de empresas se
Quem não conhece um amigo que se eles eram felizes. 55% deles responderam que
inscreveu para um cargo de coordenador e não (e acho que os outros mentiram). Agora,
quando foi assinar o contrato era analista? se o “presida” da empresa não está feliz,
Quem não ouviu uma promessa de promoção imagine como está a vida dos colaboradores?
que nunca chegou? E histórias de aumentos A burocracia reina, a hierarquia subjuga, os
salariais garantidos e jamais efetivados? assédios morais são disfarçados de avaliação
de desempenho ou feedback, e os líderes
Pois é! Tudo isso ainda acontece nos dias de estão cada vez menos preparados para lidar
hoje debaixo do nariz do RH. com seus times de forma produtiva e saudável.

38


As marcas vão revista CEARH 2019
mudar o mundo
implantando políticas Vania Ferrari
de igualdade, lutando Proprietária da empresa de Treinamento
contra a corrupção, e Desenvolvimento “Pensamentos
contribuindo para Transformadores”.
simplificar o dia a dia de
seus clientes, trazendo
inovação e diversão em
todos os âmbitos da
nossa vida, e o RH tem
que fazer parte desta
história ficando do lado
da verdade e da justiça.”

Então, não tem jeito, vamos parar de mentir. competente quando mora no subúrbio, ou
Vamos assumir que é necessário matar esse que não contratam mulher com desculpas
RH no ninho e criar áreas de Desenvolvimento esfarrapadas, ou que só contratam
Humano que mereçam esse nome. deficientes físicos por causa da cota. A
inteligência artificial no processo de seleção
Mas como fazer isso? Discutindo de forma elimina os vieses inconscientes e traz mais
adulta e honesta os problemas relacionados justiça para o processo.
a este tema nas nossas empresas; sendo
corajosos para demitir os líderes psicopatas E precisamos fazer tudo isso muito rápido!
que estão no poder; não aceitando mais Há pressa para sermos corretos.
que a gente simplesmente cumpra tabelas
e agendas de Avaliação de Desempenho É isso. As pessoas não acreditam mais no
sem preparar muitíssimo bem aqueles governo, mas não podem deixar de acreditar
e aquelas que as aplicam; discutindo também no RH. As marcas vão mudar o
meritocracia versus manutenção das mundo implantando políticas de igualdade,
injustiças sociais nas organizações. lutando contra a corrupção, contribuindo
para simplificar o dia a dia de seus clientes,
Outra sugestão é implantar programas trazendo inovação e diversão em todos os
de Inteligência Artificial no processo de âmbitos da nossa vida, e o RH tem que fazer
Recrutamento & Seleção, para tirar o viés parte desta história, ficando do lado da
dos selecionadores que não trazem gente verdade e da justiça.

39


já marcou uma hora com você hoje?


revista CEARH 2019

Administração
profissional para um
empreendedorismo
longevo

É impressionante como a questão do sociais e econômicos positivos, também
empreendedorismo tem sido massificada se observa que a mortalidade empresarial
e fomentada nacionalmente. continua inadequadamente elevada,
o que demonstra, nitidamente, que
Todavia, paradoxalmente aos resultados a questão empreendedora não tem

41


sido adequadamente tratada de forma especial num ambiente hostil e paradoxal
conceitual e técnica. como o nosso, onde é vital que os
empreendimentos sejam bem elaborados
E o que está faltando? Está faltando e inovadores e, também, que estejam
tratar o empreendedorismo à luz da posicionados de forma competitiva e
ADMINISTRAÇÃO PROFISSIONAL. lucrativa, com uma estrutura de capital
Torna-se imperativo lembrar que o adequada, para auferir uma maior
empreendedorismo não é uma ciência e nem sustentabilidade e longevidade.
arte. Empreendedorismo é comportamento. É
atitude. Portanto, está atrelado a perfil pessoal Para concluir, convém lembrar que no
e profissional. É a administração, enquanto tocante ao empreendedorismo, não há mais
ciência que estuda e se envolve sobremaneira espaço para aventuras e amadorismos,
com os negócios, desde a sua concepção, sob pena de se embarcar numa viagem
implantação até o seu desenvolvimento, sem volta, com consequências danosas
gestão e execução. É absolutamente irreversíveis. No empreendedorismo,
impossível tratar o empreendedorismo é requisito basilar uma administração
dissociado da administração. profissional desde a sua concepção, com
um business plan bem elaborado no sentido
Em síntese, o empreendedorismo deve estar de avaliar previamente a sua viabilidade
sob o abrigo conceitual, metodológico e econômica e financeira como negócios, até a
técnico da administração profissional, em sua implantação e execução.

É a administração,
enquanto ciência
que estuda e se envolve
sobremaneira com
os negócios, desde
a sua concepção,
implantação até o seu
desenvolvimento,
gestão e execução.
É absolutamente
impossível tratar o
empreendedorismo
dissociado da
administração.”

Mauro Kreuz
Conselho Federal de Administração

42


Inovação bem-sucedida
requer envolvimento
dos colaboradores

I nvestir na melhoria da qualidade dar sustentabilidade ao negócio, facilita
de vida, tanto dos clientes quanto o desenvolvimento e o crescimento
de seus colaboradores, é uma das empresarial e diferencia positivamente uma
receitas do Grupo Sabin para crescer com companhia em seu mercado.
sustentabilidade em Medicina Diagnóstica,
ao longo desses 35 anos. A empresa possui No Sabin, procuramos desenvolver processos
77% de seu quadro de mulheres e 74% de que olhem para o todo e considerem as reais
sua liderança feminina. Além disso, tem a necessidades das pessoas envolvidas com
inovação no seu DNA e as pessoas no centro nosso trabalho e resultados. Pensando em
da sua estratégia empresarial. participar da transformação digital e manter a
humanização nos processos, o Sabin aderiu ao
Hoje, as empresas estão investindo na Movimento Brasil Digital, que tem por objetivo
transformação digital para impulsionar a influenciar e promover o diálogo entre os
competitividade e produtividade de seus setores público e privado, para a construção
negócios. Ser inovador é fundamental para de propostas que coloquem a tecnologia e

Todas essas ações
do Sabin mostram
que a transformação
digital pode ser feita com
o foco nas necessidades e
crescimento das pessoas,
preparando os colaboradores
e desenvolvendo talentos
para a essa nova realidade.

Janete Vaz
Cofundadora do Sabin e
presidente do Conselho de
Administração do Grupo Sabin

44


inovação no centro da estratégia do país, revista CEARH 2019
buscando a inclusão digital do trabalhador
e garantindo o crescimento econômico aqueles trabalhos repetitivos e trazem
sustentável no Brasil. mais agilidade, padronização e precisão
para o processo, liberando profissionais
Sempre fomos pioneiros na busca por para atuar em atividades mais nobres
inovação, e um dos marcos estratégicos de desempenho intelectual e de análise
foi a inauguração do novo Núcleo Técnico crítica, agregando valor ao serviço
Operacional em 2017, na nova sede no oferecido e minimizando falhas.
DF, que contou com amplo investimento
em automação. Essa mudança permitiu O rápido desenvolvimento tecnológico
o aumento da capacidade produtiva promove também grandes mudanças
em mais de 50% e possibilitou o nas rotinas de produção e na forma em
remanejamento de pessoas para áreas que entregamos produtos e serviços
adequadas ao perfil de conhecimento, para os consumidores, e já é um fato
atendendo o projeto estratégico do Grupo que as empresas de saúde estão
no crescimento em mais de 10 milhões de totalmente inseridas nesse contexto.
exames nesse período. Um dos temores Todas essas ações do Sabin mostram
da automação é a substituição de pessoas que a transformação digital pode ser
por máquinas, mas a experiência do feita com o foco nas necessidades e
Grupo tem sido que as máquinas realizam crescimento das pessoas, preparando os
colaboradores e desenvolvendo talentos
para a essa nova realidade.

45


PARASATUITAUDE

FIQUE MAIS PERTO DAS
REALIZAÇÕES QUE VOCÊ DESEJA.
QUEM PLANTA BOA SORTE COM
SABEDORIA COLHE PROSPERIDADE.

BSSPCE.COM.BR

Para liderar em um
mundo em transição


SOLUÇÕES

INTELIGENTES

NA GESTÃO

DE SEGUROS

PARA O RH

SEGURO DE VIDA E ACIDENTES EM GRUPO

4000-1989anúncio.pdf 1 27/05/2019 09:46:59


GERIR COM PESSOAS, MBA PSICOLOGIA
MAIS LUCRATIVIDADE POSITIVA
PARA SUA EMPRESA
Promova um ambiente de
I NVISTA NO ME L HOR QUE VOC Ê PODE SER colaboradores mais motivados,
produtivos e maior retenção de

talentos na sua organização

MBA GESTÃO DE
PESSOAS

Alcance resultados com
sua equipe, com foco em
competências, indicadores

e coaching.

(27) 3224-6422
IPOG.EDU.BR


Click to View FlipBook Version
Previous Book
Corriere Canadese (24-06-2019)
Next Book
Libro_Zoonosis_ok21.01[1]