The words you are searching are inside this book. To get more targeted content, please make full-text search by clicking here.

Jornal Vila do Príncipe - Abril de 2018

Discover the best professional documents and content resources in AnyFlip Document Base.
Search
Published by Atelier Online, 2018-04-19 14:31:25

Jornal Vila do Príncipe - Abril de 2018

Jornal Vila do Príncipe - Abril de 2018

jornal www.jornalviladoprincipe.com.br

VILA D PRÍNCIPE Teófilo Ottoni,
Patrono da Imprensa Mineira

CIRCULAÇÃO: Alvorada de Minas, Conceição do Mato Dentro, Couto de Magalhães de Minas, Datas, Diamantina, Dom Joaquim, Gouveia, aBRIL de 2018 • Edição 14 • Ano II • TIRAGEM: 10.000 EXEMPLARES
Guanhães, Materlândia, Presidente Kubitschek, Rio Vermelho, Sabinópolis, Santo Antônio do Itambé, Serra Azul de Minas, Serro.

Onde a música toca a natureza

CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO
DE 27 A 30 DE ABRIL DE 2018

VEREADORES DE DIAMANTINA RECEBIDOS
POR DOM DARCI

Um Caminho
para o futuro

Página 07 Milho Verde - SERRO/MG: Prefeito de Conceição do Página 02
a simplicidade do passado Mato Dentro José Fernando Página 7
Câmara Municipal de Serro ............ pÁGINA 03 nas montanhas mineiras Página 03
CULINÁRIA: Eloísa Cardoso ............ pÁGINA 05 CENTRO ADMINISTRATIVO
Turismo: Paulo Queiroga ............ pÁGINA 05 Entrega de DE DIAMANTINA
casas populares
Alvorada de Minas ............ pÁGINA 06 Alvorada de Minas Prefeito Juscelino Brasiliano Roque,
Diamantina ............ pÁGINA 07 Promotor de Justiça Dr. Paulo Márcio Silva
Prefeito Vítor com a Sr. Marlene Página 06
Saúde: Dr. Sebastião Gusmão ............ pÁGINA 07 e Gilson Batista, presidente da Câmara
DOM JOAQUIM ............ pÁGINA 09

Presidente Kubitschek ............ pÁGINA 10
DATAS ............ pÁGINA 10

Guanhães ............ pÁGINA 10
Divertindo ............ pÁGINA 11
CONCEIÇÃO DO MATO DENTRO ............ pÁGINA 12

GRUPO PLANO
ASSISTÊNCIAL FAMILIAR
SUA FAMÍLIA EM BOAS MÃOS!
R. PADRE JOÃO MOREIRA, 60 FONE:
SERRO - MG - CEP: 39150-000 (38) 3541-2162
(38) 3541-2666
(38) 3531-1906

www.gruporenascermg.com

2 jornal VILA D PRÍNCIPE

EDITORIAL Um caminho para o futuro

Aos poucos o jornal Vila do anúncio, o que nos faz acreditar que A rodovia MG10 liga as tricente- José Fernando Aparecido de Oliveira
Príncipe vai expandindo suas ações e estamos trilhando o caminho correto, nárias cidades de Conceição do Mato
aumentando a sua atuação. Hoje com prossionalismo, seriedade, Dentro, Serro e Diamantina, e até hoje belezas naturais, aos atrativos históricos
chegamos e estamos mais próximos dedicação e ética. Vamos seguindo tem um longo trecho em estrada de terra, e religioso, todos eles a um raio de no
das cidades de Alvorada de Minas, em frente, pois esta será sempre a na parte nal da Estrada Real.Asfaltá-lo, máximo 100km. Não é demais lembrar
Conceição do Mato Dentro, Couto de nossa conduta, que desde sempre além de ligar as históricas cidades é, que todos esses destinos turísticos
Magalhães de Minas, Datas, Diaman- norteou nossas edições. sobre tudo, unir o Alto Jequitinhonha carão ligados também ao aeroporto de
tina, Dom Joaquim, Gouveia, com o Médio Espinhaço, e dois impor- Conns, que está a apenas 65km da
Guanhães, Materlândia, Presidente Nesta edição destacamos entre tantes circuitos turísticos; o da Serra do Serra do Cipó e 125km de Conceição do
Kubitschek, Rio Vermelho, Sabinó- tantas notícias, o importante artigo do Cipó ao dos Diamantes. Mato Dentro.
polis, Santo Antônio do Itambé, Serra prefeito de Conceição do Mato
Azul de Minas e Serro. Dentro Zé Fernando, que, de uma Isso tudo descortinará um cenário Além de ligar o Médio Espinhaço
certa forma, fala pelas cidades por imenso de possibilidades e oportuni- com o Alto Jequitinhonha, o asfalta-
Entendemos que não vale apenas onde circulamos. Não deixem de ler e dades para o desenvolvimento do mento da MG10 inaugurará uma nova
circular nesses centros, mas sim atuar, de compartilhar. E assim vamos turismo nessa parte privilegiada de rota de desenvolvimento para o Vale do
dialogar diretamente com o cidadão, seguindo, sempre em frente, dese- Minas, com seus atrativos históricos, Jequitinhonha, que passa a ter uma
dar voz aos anseios da população, jando a todos uma ótima leitura. culturais, naturais, ecológico e religioso. ligação direta com a área central do
integrar a vida em sociedade. Vale destacar que dentro dos circuitos Estado, encurtando caminhos, dimi-
Petrônio Souza Gonçalves estão também parques municipais, nuindo distâncias e aproximando
Assim como foi o Sentinela do estaduais e federais, muitos deles pessoas. Isso impacta diretamente na
Serro, há séculos continuamos no alto compreendidos dentro da Reserva da vida do cidadão de toda essa imensa
dessas montanhas atentos e serenos, Biosfera, tombada pela UNESCO. região, principalmente no escoamento
observando e reportando as coisas do das produções primárias, em sua maioria
mundo a nossa volta. Para isso Esses parques desempenham de médios e pequenos produtores,
criamos os canais diretos de diálogo importantíssimo papel tanto na preser- barateando também o transporte e
com a sociedade, as comunidades vação da fauna e da ora, como das carreto por este trajeto mais curto e
dessa porção abençoada de Minas, muitas belezas naturais que estão nessa seguro. Pavimentar os 25km restantes da
dentro do Médio Espinhaço. Lembro porção abençoada de Minas Gerais, MG10 é pavimentar um futuro melhor
a todos que nosso e-mail para assegurando para a posteridade a para o povo que vive há séculos na
sugestões e cartas é: integridade das muitas preciosidades região mineradora das Minas Gerais, um
[email protected] e existentes no maciço do Espinhaço. Essa povo historicamente esquecido.
nosso whatssap: (31 ) 97177-4048. região de Minas alimenta ainda com
seus rios e nascentes duas importantes Cabe agora ao governador Fernando
Por tudo isso temos colhido bacias hidrográcas: a do São Francisco Pimentel dar a ordem de início para o
reconhecimento e credibilidade e do Rio Doce. asfaltamento desta estrada, cujos
nessas 15 cidades em que agora recursos de 2/3 de todo o total da obra já
circulamos, como registramos São muitos os atrativos que estão às estão disponíveis, liberados pelo Anglo
também, de uma certa forma, margens da MG10 nesse trecho, e esse American.
comovidos, o apoio em forma de asfaltamento ligará a maior cachoeira de
Minas, Tabuleiro, à histórica cidade do José Fernando Aparecido de
Serro, com seus distritos cinematográ- Oliveira é prefeito de Conceição do
cos, como Milho Verde e São Gonçalo
do Rio das Pedras. A Diamantina, com Mato Dentro e presidente da
suas vesperatas e seus emblemáticos Associação das Cidades
personagens, como Xica da Silva, João
Fernandes e Juscelino Kubistchek. A Históricas de Minas Gerais
Biribiri, Três Barras, tudo isso às
correspondências margens dessa rodovia estadual. Esse
e mensagens RECEBIDAS asfaltamento abrirá também a possibi-
lidade da criação de novos roteiros
Senhor Diretor, turísticos, integrando e interagindo os
programas culturais, com passeios às
Com meus iniciais cumprimentos, quero, por meio deste e-mail,
cumprimentá-lo pela beleza que se me apresentou o Jornal Vila do Diretor: Colaboradores:
Príncipe, edição n. 13 (Março de 2018). Conheci o periódico na Vagno Ribeiro - Maira Buarque - Jornalista
cidade do Serro, onde passei vindo de Santo Antônio do Itambé, e
Diretor Comercial: Colunistas: Jornal Vila do Príncipe é uma publicação da
quei verdadeiramente encantado com a edição em tela. Parabéns!! Geraldo Ribeiro - Dr. Sebastião Gusmão V.A.R. Dinâmica Assistência e Comunicação,
- Paulo Queiroga CNPJ 26.916.918/0001-79 - R. Manhuaçu, 210,
As colunas, o editorial, a composição gráca, Jornalista Responsável: - Petrônio Souza Gonçalves Sala 4 - Bairro Santa Inês, Belo Horizonte/MG,
tudo foi uma surpresa muito agradável. Marcelo Devanir (MG 04227 JP) CEP: 31.080-400. As opiniões e conceitos
emitidos em artigos assinados, mesmo que
Desejo continuidade e sucesso! Diagramação: Atelier Online sob pseudônimo, podem não representar o
pensamento da direção e dos editores deste jornal.
Geraldo Camelo, Bocaiuva/MG jornal

VILA D PRÍNCIPE

Assistência 24 horas em todo território nacional

Tranquilidade para você e sua família

www.aspvemg.com.br

(38) 98807-0002 Escritório Serro:
(38) 99971-4907
(31) 3486-4657 R. PADRE JOÃO MOREIRA, 60
SERRO - MG - CEP: 39150-000

Proteja seu veículo contra roubo, furto, incêndios e colisões

SERRO • ABRIL / 2018 3

serro A Câmara Municipal do Serro sob a
liderança de seu presidente o vereador Ronivon
Câmara Municipal do Serro Simões, não tem medido esforços na busca de
O trabalho não para recursos e melhorias para o município.

O pequeno distrito, a cerca de 300 km de Belo Ÿ N de Vereadores N de Habitantes
Horizonte, é o testemunho vivo do antigo modo de vida Ÿ 23 300 mil até 450 mil
do Alto Jequitinhonha. O volume de visitantes é o Ÿ 25 450 mil até 600 mil
prenúncio de um polo consolidado de turístico regi- Ÿ 27 600 mil até 750 mil
onal. Ÿ 29 750 mil até 900 mil
Ÿ 31 900 mil até 1,05 milhão
Origem e missões: No Brasil, a câmara municipal, Ÿ 33 1,05 milhões até 1.2 m.
câmara de vereadores, assembleia legislativa muni- Ÿ 35 1,25 milhão até 1,35 m.
cipal ou câmara legislativa é o órgão legislativo da Ÿ 37 1,35 milhão até 1.5 m.
administração dos municípios, congurando-se como a Ÿ 39 1,5 milhão até 1.8 m.
assembleia de representantes dos cidadãos ali resi- Ÿ 41 1,8 milhão até 2.4 m.
dentes. Apesar de ter as mesmas origens das câmaras Ÿ 43 2,4 milhões até 3 m.
portuguesas, atualmente possuem funções diferentes: a Ÿ 45 3 milhões até 4 m.
brasileira é um órgão legislativo e em Portugal possui Ÿ 47 4 milhões até 5 m.
atribuições de poder executivo. Como órgão legislativo Ÿ 49 5 milhões até 6 m.
municipal, a câmara municipal brasileira é equivalente Ÿ 51 6 milhões até 7 m.
à atual assembleia municipal portuguesa. Ÿ 53 7 milhões até 8 m.
Ÿ 55 mais de 8 milhões
As câmaras municipais do Brasil têm origem nas
tradicionais câmaras municipais portuguesas, exis- Reuniões de trabalho Compete às Câmaras xar o subsídio dos Verea-
tentes desde a Idade Média. A história das câmaras dores em cada legislatura para a legislatura seguinte,
municipais no Brasil começa em 1532, quando São 3 4 respeitando sempre a Constituição e o que mais estiver
Vicente é elevada à categoria de vila. De fato, durante 2 5 disposto na Lei Orgânica do município. A Constituição
todo o período do Brasil Colônia, possuíam câmaras 6 impõe limites máximos para o gasto total do Município
municipais somente as localidades que tinham o com a remuneração dos vereadores, que não pode
estatuto de vila, condição atribuída pelo Reino de 7 exceder 5% da receita do Município (CF, art.19, VII,
Portugal mediante ato régio. Durante todo o período incluído pela EC nº1, de 1992) e também para a
colonial vigiam na colônia as mesmas normas que remuneração individual de cada um deles (de acordo
valiam para todo o Império Português, as chamadas com a EC 25/2000):
Ordenações do Reino (Manuelinas até 1603 e Filipinas
até a Independência). 18 A Câmara Municipal do
Serro e seus vereadores
E de acordo com o que prevê as Ordenações, durante Funasa. 1. Ver. Roberto / 2. Ver. Paulo Henrique /
esse período a administração municipal era toda 3. Sec. Nondas Miranda / 4. Sup. Marco Antônio / Agindo com ética, respeito ao cidadão e à Consti-
concentrada nas câmaras municipais, que naturalmente 5. Ver. João Robson / 6. Ver. Romeu / tuição e transparência, a Câmara do Serro vem cum-
exerciam um número bem maior de funções do que 7. Ver. Josué / 8. Júnior Geloso prindo o seu papel além do tempo. Hoje, ela conta com
atualmente, concentrando os poderes executivo, os vereadores eleitos nas eleições de 2016, sendo eles:
legislativo e judiciário. Todos os municípios deveriam Copanor. Vereadores Romeu, Roberto, João Robinho - PPS; Roberto Tambor - PR; Romeu Teles -
ter um Presidente, três vereadores, um procurador, dois Robson, SEC Nondas Miranda, presidente PHS; Paulinho de Zé da Farmacia - PR; Marcinho
almotacéis, um escrivão, um juiz de fora vitalício e dois Jean Alves, vereadores Paulo Henrique e Josué Tabajara - PHS; Zué do Povo - PDT; Ronivon Simões -
juízes comuns, eleitos juntamente com os vereadores. PTB; Silvana Dumont (licenciada) - PPS; Paulo
Eram as responsáveis pela coleta de impostos, regular o Henrique - Coxito - PP; Dilson de Milho Verde - PSDB,
exercício de prossões e ofícios, regular o comércio, Rogério Silivano - PT do B e Júnior dos Santos
cuidar da preservação do patrimônio público, criar e Figueiredo (suplente) que assumiu o mandato no lugar
gerenciar prisões, etc. Na câmara municipal, era onde da vereadora Silva que se encontra ausente para
ocorriam todas as leis e ordens e era o lugar onde tratamento médico.
trabalhavam os políticos da época.
Cohab. Da esquerda para a direita: Presidida pelo vereador Ronivon Simões,
As câmaras constituíram o primeiro núcleo de Vereadores Paulo Henrique, Romeu, eleito por seus pares em 2017, ele lembra que
exercício político do Brasil. As câmaras e seus edis João Róbson, diretor Francisco José, “aqui todos nós trabalhamos em sintonia com
foram, por diversas vezes, elementos de vital impor- SEC Nondas Miranda, vereadores Roberto, as muitas demandas da população serrana,
tância para a manutenção do poder de Portugal na Josué e Mateus Chefe de Gabinete pois o contato é diário com as urgências de
Colônia, organizando a resistência às diversas invasões cada canto do município, com cada cidadão,
feitas por ingleses, franceses e holandeses. Também, Hoje, cada município tem um número máximo de quem tem em cada um de seus representantes
com o surgimento do sentimento nativista, já no século desta Casa um defensor diário, um verdadeiro
XVII, foram focos de diversas revoltas e distúrbios. vereadores, xados pela Constituição de 1988. Depois guerreiro. Então, estamos aqui na Câmara
Municipal em missão diuturna para o bem do
Brasil Império da Emenda Constitucional 58 de 2009, assim caram povo do Serro, seja de onde ele for. Não há
distinção para nós se a demanda vem de Três
Com a Independência do Brasil, a autonomia de que xados os limites máximos para a composição das Barras, São Gonçalo do Rio Abaixo ou Mato
gozavam as câmaras municipais é drasticamente Grosso. Onde houver um morador do Serro
diminuída com a Constituição de 1824, e a Lei de 1 de Câmaras Municipais (CF, art. 29, IV): precisando de nosso trabalho, de nosso
outubro de 1828. A duração da legislatura é xada em empenho, fazemos respeitar a missão que nos
quatro anos e o vereador mais votado assumia a Ÿ N de Vereadores N de Habitantes foi dada e conada com a eleição em 2016. E
presidência da câmara, visto que até então não havia a isso é unanime entre os 11 representantes
gura do "prefeito", a não ser pela presente do alcaide Ÿ 9 até 15 mil eleitos no último pleito por esse povo que
(equivalente a prefeito, com poderes menores). acompanha também a nossa gestão, e que nos
Ÿ 11 15 mil até 30 mil cobra também, pode estar certo disso”,
República declarou orgulho de sua presidência o
Ÿ 13 30 mil até 50 mil vereador Ronivon.
Com a Proclamação da República, as câmaras
municipais são dissolvidas e os governos estaduais Ÿ 15 50 mil até 80 mil Você pode falar com a Câmara Municipal do Serro
nomeavam os membros do "conselho de intendência". pelo telefone geral (38) 3541-1508, ou pelo e-mail:
Em 1905, cria-se a gura do "intendente" que Ÿ 17 80 mil até 120 mil [email protected] O endereço é: Praça João
permanecerá até 1930 com o início da Era Vargas. Com Pinheiro, 154 - Centro - Serro/MG. Acesse nosso site:
a Revolução de 1930 criam-se as prefeituras, às quais Ÿ 19 120 mil até 160 mil camaraserro.mg.gov.br
serão atribuídas as funções executivas dos municípios.
Assim, as câmaras municipais passaram a ter especi- Ÿ 21 160 mil até 300 mil
camente o papel de casa legislativa.

Durante o Estado Novo, entre 1937 e 1945, as
câmaras municipais são fechadas e o poder legislativos
dos municípios é extinto. Com a restauração da
democracia em 1945, as câmaras municipais são
reabertas e começam a tomar a forma que hoje pos-
suem.

4 jornal VILA D PRÍNCIPE

serro

Milho Verde: a simplicidade do existem duas quedas maiores, que irão
se juntar ao Rio Jequitinhonha, logo à
passado nas montanhas mineiras frente.

Chafariz - José Gustavo Abreu Murta Após a segunda proibição da Igreja Nossa Cachoeira do Piolho
exploração do diamante, a população Senhora do Rosário
O pequeno distrito de Serro ca a local passa a viver da pecuária e da Formada pelo córrego de mesmo
cerca de 300 km de Belo Horizonte, é o agricultura de subsistência, além da À noite, na alta temporada, os bares nome, a cachoeira do Piolho é assim
testemunho vivo do antigo modo de vida colheita de ores decorativas sempre- promovem festas, baladas e eventos para chamada por causa de pequenos
do Alto Jequitinhonha. O volume de vivas. a moçada, fato, para alguns, comprome- diamantes encontrados antigamente no
visitantes é o prenúncio de um polo tedor da paz e da tranquilidade locais, leito do córrego. A cachoeira tem uma
consolidado de turístico regional. O passado de abandono manteve seu mas que garantem ao distrito o movi- queda com mais de 30 metros de altura e
povo com a vida simples. A estagnação e mento de turistas e geração de emprego e é utilizada também para a prática do
Assentado no alto da Cordilheira do a preservação do modo de vida local renda. rapel.
Espinhaço, o singelo distrito de Milho foram os atrativos para turistas em busca
Verde vem atraindo cada vez maior de descanso e de contato com a natureza. Há muito atrativo para se ver e viver Cachoeira do Lageado
número de turistas, que imprimem ali a em Milho Verde. Cristiano Carneiro
fusão do passado colonial mineiro à Na década de 1970/80, houve um
formação de um novo modo de vida maior auxo de pessoas à região, vindas Além das igrejas antigas, teste- Cachoeira do Lajeado
urbana. A partir da década de 1980, das grandes cidades, inuenciadas pelo munhos da fé, da tradição religiosa e
muitos se mudaram para lá, fugindo do movimento hippie e impulsionadas símbolos da arquitetura colonial Um platô na chapada da cidade, bem
agito das grandes cidades. pelas músicas de Milton Nascimento, mineira, Milho Verde tem atrativos para no centro do distrito e ideal para
Fernando Brant e o Clube da Esquina, todos os gostos, em especial, as cachoe- crianças. A areia branca e os diversos
sucesso da época. iras. poços rasos de águas cristalinas se
tornam mais abundantes durante as
Esses movimentos de migração dos cheias formando três quedas e uma
grandes centros para pequenas locali- paisagem magníca.
dades alternativas ocorreram, também,
na mesma época, no litoral brasileiro, Cachoeira do Baú
como Canoa Quebrada, Trancoso,
Arraial da Ajuda e no Brasil Central, Localizada a cerca de 8 km de Milho
como Pirenópolis e Goiáz Velho. Verde, na localidade do Baú, antigo
quilombo, onde nasceu a lendária Xica
Igreja Nossa da Silva, a cachoeira tem um poço
Senhora do Rosário delicioso, entre encostas acentuadas e
Cristiano Carneiro uma paisagem que mexe com nossa
alma.
Igreja Matriz de Nossa Os novos visitantes, ao mesmo Cachoeira do Carijó
Senhora dos Prazeres tempo em que valorizavam a cultura Cristiano Carneiro Cachoeira do Ausente
local, a beleza dos seus vales, monta-
História e lenda nhas, cachoeiras, caminhadas e viam Cachoeira do Carijó Fica num lugarejo, também antigo
nelas seu maior atrativo, imprimiam quilombo, com população descendente
A origem do nome, segundo se conta, novos ares para a população local, Situada a 3 km do centro de Milho de antigos escravos e cultura tradicional
é em razão dos primeiros bandeirantes inuenciando-a com seus hábitos Verde, a Cachoeira do Carijó tem 8m de preservada. A cachoeira tem pequenas
que ali chegaram famintos, foram urbanos. queda e um poço delicioso com água piscinas naturais de águas cristalinas e o
recebidos por uma comunidade de limpa e cristalina. Ideal para um banho passeio compensa.
índios locais, que lhe ofereceram milho, Nesta toada e inuenciado pela nova de relaxamento.
abundante na região. geração, Milho Verde ressurge como um Cachoeira Campo Alegre
lugar aprazível e foi germinando a Cachoeira do Moinho
Outra versão é que por volta de 1711, semente de um novo destino turístico. Cristiano Carneiro Um conjunto de pequenas quedas,
o português Rodriques Milho Verde, em meio às pedras, a 8 km de centro, um
natural do Minho, chegou à região em Assim, o distrito se estabelece no Cachoeira do Moinho ponto de parada na antiga trilha utilizada
busca de ouro e diamante, iniciando cenário do turismo, explorando a vida por tropeiros.
assim o povoado. simples e a beleza da paisagem; ao Uma das maiores e mais bonitas da
mesmo tempo em que o cenário de suas região ca bem próxima ao centro. O No entorno de Milho Verde estão
De toda sorte, o antigo Arraial de ruas e vielas aos poucos foi se transfor- nome se deve à existência de dois também as cachoeiras da Canela e dos
Nossa Senhora dos Prazeres de Milho mando, com a construção de restau- moinhos d'água antigos, utilizados na Macacos, menos visitadas, mas, de igual
Verde do Serro Frio surgiu no início do rantes e pousadas e um novo comércio e moagem do milho para se fazer o fubá. beleza.
século XVIII com garimpeiros, quando serviços para visitantes, hoje, a base de Além de poços de água limpa e extrema-
se descobriu ouro e diamante na região. sua economia. mente agradáveis para um banho, Preservação X Desenvolvimento

O arraial era um dos pontos de apoio Atualmente, Milho Verde oferece Cachoeira do Piolho Atualmente, a população local,
de tropeiros no caminho que liga Serro a boa infraestrutura de serviços para consciente dos dois lados da moeda dos
Diamantina pela Estrada Real, por onde visitantes. Restaurantes, hotéis, impactos do turismo e da migração, luta
escoava a exploração mineral em pousadas e campings garantem conforto para tentar harmonizar a preservação do
direção ao Rio de Janeiro. Na época, a e aconchego aos turistas de todos os meio ambiente e os antigos hábitos
Coroa Portuguesa instalou ali um quartel níveis e exigências. locais, com o desenvolvimento de sua
e um posto scal para controle do economia a partir do turismo.
contrabando de ouro e diamante. A tradição religiosa também é bem
preservada nas centenárias festas De qualquer forma, o hospitaleiro
Mais tarde, com a proibição da populares, que atraem turistas e distrito de Milho Verde continua sendo o
exploração de diamantes, Milho Verde garantem a memória deste distrito de retrato vivo da autêntica cultura mineira
cai em abandono. Há registros do mais de 300 anos. do Alto Jequitinhonha e compõe os
mineralogista José Vieira Couto, do distritos de interesse turístico na política
inglês John Mawe e do francês Saint- Festa do Rosário municipal de turismo da Prefeitura da
Hilaire, do início do séc. XIX, relatando Thelmo Lins e cidade de Serro. Não se pode perder a
a decadência de Milho Verde. José Wagner Cosse oportunidade de desfrutá-lo.
Vieira descreve a vila como um “lu-
garejo pequeno, mal arranjado e com Boa viagem!
muitas casas palhoças”.
Igreja Nossa Senhora do Rosário
Já no início do século XX, é retomada
a exploração de ouro e diamante, desta
vez, em grande escala, com a utilização
de dragas e bombas e desvio dos cursos
d'água, o que resultou num imenso
desastre para os rios e o meio ambiente.

SERRO • ABRIL / 2018 5

Temperos mineiros Eloísa Cardoso Barcelos - Minho:
Destino obrigatório para
A culinária mineira não é apenas um um roteiro em Portugal
prato, é uma história, uma viagem, um
lugar. Sendo assim, vamos juntos pegar cidos, estando na França entre os Estar em Portugal é como voltar ao Paulo Queiroga
estrada pela Serra do Cipó, romper a melhores do mundo, amigos de infân- passado, às raízes de nossa cultura. A
serra pela estrada estreita, curvas como cia... Sempre chego emocionada, como novidade da paisagem se mistura com o livros, bijouterias,
serpentes, se enroscando, abrindo a na primeira vez. Vou direto para a casa familiar e o antigo nos remete às nossas jóias e comidas
paisagem de encher os olhos ao Parque da minha mãe, preciso de abraços. cidades coloniais, mas com a exube- prontas e semi-
Nacional. rância e a solidez da arquitetura euro- prontas. Uma festa
Almoço, uma das receitas que mais peia. internacional,
Uma foto quase obrigatória se repete gosto: Broto de samambaia com multicolorida e
toda viagem, junto à estátua do costelinha de porco! Assim se faz: - 1 Barcelos, pequena jóia medieval na uma hospitalidade
Juquinha, personagem ilustre da região. molho grande de broto de samambaia região do Minho - Portugal, reete a da comunidadade
Chegamos a Conceição do Mato Dentro, (ou sambambaia). verdadeira alma deste povo apaixonado que nos sensibiliza.
onde fé e história estão enraizadas. A pela sua história.
Virgem Conceição, por ser a Santa - Picar em pedaços pequenos e ferver A lenda do galo português
Padroeira da cidade e a mata virgem, que por duas vezes para tirar o amargo. Barcelos é uma cidade antiga,
os índios chamavam caa-té. Daí a Escorrer e lavar em água fria. plantada em uma região com vestígios A Lenda do Galo surgiu com a
expressão mato dentro. Juntaram-se as arqueológicos da Pré-História. Mas ela história de um galego que passava por
duas, passou a se chamar Conceição do - Costelinha temperada com alho começou sua história quando D. Dinis, Barcelos na sua peregrinação para
Mato Dentro. Dentro também do socado com pouco sal e temperos em 1298, para premiar o seu mordomo- Santiago de Compostela. Condenado a
coração. caseiros, colhidos na horta. mor João Afonso, o tornou conde e lhe enforcamento por um crime que não
doou o povoado. havia cometido, ele pediu para se
Para quem quer apostar em belezas - Panela com pouco óleo, bem apresentar ao Juiz e provar sua ino-
naturais, cachoeiras, pode apear: vai se quente, coloque os pedaços da coste- Não há como não se encantar. Tudo cência. O juiz, à mesa do jantar, onde
encantar com Cachoeira do Tabuleiro, a linha, vai mexendo. Depois, pingando ali respira a Idade Média europeia. Com havia galo assado, ouviu do viajante que
maior de Minas Gerais, vai lavar a alma. água, ate dourar e car macia a carne. catedrais, muralhas, praças, torres e lhe era tão certa sua inocência, que o
"Quando o sol da manhã se levanta, ruelas, a cidade é um verdadeiro museu galo assado, que ali estava, cantaria para
Conceição em Ouro e luz se retrata, E de Escorrer o excesso de óleo, abrir ao ar livre. Foi lá onde nasceu o lendário prová-la.
Noite tão alva parece Ser a lua uma bola espaço no meio da carne, coloque um galo de barro, símbolo nacional e
de prata" (Trecho hino de Conceição). pouco mais de alho e urucum, refogue o expressão maior do artesanato portu- O juiz e os convidados zombaram
broto de samambaia, pingando água, guês. dele e o encaminharam para a forca. Na
Sigo estrada, parando aqui e acolá, tampe, deixe os sabores se entenderem. hora exata da execução, o galo cantou e o
para uma prosa rápida, uma or no meio Famosa pelo artesanato, a feira juiz ordenou que corressem ao paço da
do caminho fotografar. Meu destino é Não pode faltar angu de fubá de semanal é uma atração especial em forca para salvar o viajante.
Serro, Milho Verde (terra de Xica da moinho d’água. Barcelos. Lá se compra quase de tudo -
Silva), São Gonçalo do Rio das Pedras. todo gênero de artesanato de bordados, O galego salvo voltou depois à vila e
Hospitalidade, construções barrocas, Feliz, sigo ao encontro da minha irmã rendas e cestos de palha, além de roupas, esculpiu o Cruzeiro do Senhor do Galo,
lhos ilustres, o povo... ahhh o povo do Aparecida Cardoso, lá na Vila São Jorge, que hoje está no Museu Arqueológico de
Vale do Jequitinhonha, seu maior para participar como festeira Convidada Barcelos.
patrimônio. da 2ª Festa da Irmandade de São Jorge, o
soldado de Jesus!
Anos atrás, meu lho disse do alto
dos seus sete anos de idade: “O povo Eloísa Cardoso - Chef de cozinha,
daqui é feliz, todos sorriem”. Com resgate da tradicional culinária
poucos dentes, sem dentes, mas sin- mineira, Membro da FGM (Frente
ceros, da alma. Gente humilde, simples Gastronomia Mineira)
de coração, na fé inabalável e boas
atitudes. Estamos caminhando sobre
história, Brasil Colônia, estamos na
Estrada Real. A simplicidade dessa
gente; não tem como não se apaixonar.
Chego ao Serro, Serro do Frio, Vila do
Príncipe, minha terra, meu lar. Impe-
cável na beleza. Não bastasse ser lha
dessa terra, não bastasse tanta beleza nos
seus becos com calçamentos centená-
rios, queijos deliciosamente reconhe-

Deputado Alencar A Prefeitura Municipal de Alvorada de Minas recebeu
da Silveira Jr. R$ 100.000,00 destinados a saúde. A verba foi liberada
encaminhou por meio da indicação de emenda parlamentar do
R$ 100 mil deputado Alencar da Silveira Jr. e será destinada para
para a saúde de melhorias na saúde e compra de medicamentos de média
Alvorada de Minas e baixa complexidade para a população.

Deputado Alencar da Silveira Júnior Parceiro de Alvorada de Minas na Assembleia
Legislativa há mais de 20 anos, o deputado Alencar da
Silveira Jr. tem trabalhado incansavelmente na busca por
recursos para o município. Ao longo desses anos,
beneciou com inúmeras conquistas as áreas de saúde,
educação, esporte e obras. “Conheço de perto as necessi-
dades da população de Alvorada de Minas há muitos anos
e para mim é uma honra representar esse município na
Assembleia de Minas. “Tenho uma história de amizade
não só em Alvorada, mas com toda a região do Serro e é
muito bom contribuir para o desenvolvimento dessas
cidades”, disseAlencar.

6 jornal VILA D PRÍNCIPE

alvorada de minas

ALVORADA DE MINAS
- 55 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA -

Alvorada de Minas comemorou seus reunião pública na praça Castro Pires 4º dia: Sexta-feira - 02/03
55 anos de emancipação política. com os vereadores para homenagem aos
ex-prefeitos e pessoas ilustres do Secretaria de Agricultura feira livre
Foram cinco dias de comemorações, município. Nesse momento também foi com os produtores rurais do município e
quando todas as Secretarias Municipais entregue o título de Cidadão Honorário degustação de café com rapadura e
apresentaram uma programação bem para o pároco Padre Dário Vieira. Logo queijo. Secretaria de Assistência Social
diversicada para todas as idades. depois da reunião teve o show de moda com barraquinha de troca de alimentos
de viola e forró com Murciano Marques por artesanato local.
1º dia: Terça-Feira - 27/02 e os Morenos do Forró, com degustação
de queijo e cachaça. Essa ação foi 5º dia: Sábado - 03/03
Secretaria de Educação fazendo a realizada pelas Secretaria de Agricul-
abertura com a encenação de um teatro tura. Secretaria de Assistência Social com
pelos alunos da Escola Municipal de a entrega das casas populares. Secretaria
Ribeirão de Trás contando a história do 3º dia: Quinta-Feira - 01/03 de Cultura, Turismo, Meio Ambiente e
município e homenagem aos ex- Desenvolvimento Sustentável fez a
prefeitos do município. Secretaria de Secretaria de Saúde com prestação entrega dos instrumentos musicais
Esportes com Rua de Lazer durante todo de serviços como aferição de pressão adquiridos com recurso do fundo de
dia. arterial, avaliação nutricional. Secre- patrimônio cultural para os alunos do
taria de Administração com a prestação Ribeirão de Trás, recém inseridos na
2º dia: Quarta-Feira - 28/02 de serviço - corte de cabelo masculino. corporação musical Harmannus Maria
Spekman . Também houve a entrega da
Secretaria de Esportes promovendo A partir das 19h30 a empresa Anglo premiação do primeiro Comida de
caminhada, ciclismo, jogos de peteca, American fez a exibição de um lme Buteco de Alvorada de Minas, logo
badminton e jogo de futebol com alunos com pessoas ilustres do município depois show com a Banda Fattor Zero.
da Escola Estadual José Madureira contando suas histórias e depois o lme
Horta. A partir das 12h foi realizada uma o Menino e o Espelho.

Entrega das
casas populares
Mudar a realidade e oferecer dignidade a qualidade.
população é o objetivo da gestão do Prefeito Vitor A entrega faz parte do projeto entre o Muni-
Hugo. No sábado (03) de Março, durante as
festividades de aniversário de emancipação do cípio de Alvorada de Minas e a Anglo Ferrous
município, foram entregues as chaves de 14 Minas Rio Mineração, que melhora a qualidade
Unidades Habitacionais para as famílias do das moradias de áreas rurais e urbanas dos
município de Alvorada de Minas, que puderam municípios e dá dignidade, segurança e conforto
conquistar o sonho da uma casa própria e de aos beneciários.

Marlene Lopes Souza recebendo Maria Isabel da Silva Carvalho Antônia da Silva recebendo
as chaves de sua casa das mãos do recebendo as chaves de sua casa das as chaves de sua casa das mãos

Prefeito municipal mãos do Vice-Prefeito municipal do Presidente da Câmara
Vitor Hugo Ferreira Cristiano José de Aguiar Renilson Aparecido de Miranda

SERRO • ABRIL / 2018 7

diamantina

notícias da câmara de diamantina ESTILO DE VIDA E SAÚDE
Dr. Sebastião Gusmão

A Convite do Arcebispo Metropo- 2018, Fraternidade e Superação da A interação da herança mações culturais foram de grande
litano de Diamantina Dom Darci José Violência. genética com o estilo de vida importância para o corpo humano: a
Nicioli, representantes do Legislativo de determina a saúde e as doenças. revolução agrícola, há 10 mil anos,
Diamantina participaram no dia 16 de Reexão e Manifesto de Compro- Nosso corpo foi modelado pela que substituiu a caça e a coleta (início
Março, do encontro na Catedral missos da Sociedade Civil e Poderes evolução (mudança ao longo do do período neolítico) e a revolução
Metropolitana de Diamantina, em Públicos de Diamantina pela Superação tempo) através de seleção industrial, há 200 anos, quando
questão a Campanha da Fraternidade da Violência e Promoção de uma Cultura natural. As variações que máquinas passaram a substituir o
de Paz. favorecem a adaptação ao meio trabalho humano.
O Presidente da Câmara Municipal ambiente são selecionadas e
de Diamantina Gilson Batista e os Especial (PSE) para os 24 municípios do transmitidas aos descendentes. A agricultura e a industrialização
Vereadores Edivan de Maria Nunes e Território, que tem uma população de alteraram radicalmente o ambiente e o
Lucas Werneck estiveram presentes na 297.994 pessoas (IBGE 2010). Também Há sete milhões de anos, modo de vida. Os modernos métodos
inauguração do Creas Regional. vai oferecer o Serviço de Proteção e macacos que viviam em árvores industriais permitem cultivar e
Atendimento Especializado a Famílias e e alimentavam-se de frutas manufaturara de forma mais barata e
O Creas Regional Alto Jequitinhonha Indivíduos (Pae). (semelhantes ao chimpanzé) eciente comida com alto nível
será referência na Proteção Social evoluíram para ser bípedes calórico e baixo teor nutritivo. As
eretos e comer vários alimentos várias invenções tecnológicas (in-
(hominídeos). Há 2,5 milhões clusive a atual revolução digital)
de anos, surge o gênero homo, poupam nosso esforço físico e nos
cujo cérebro maior permitiu a levam ao sedentarismo. Passamos a
vida de caçador-coletor e a ter um corpo paleolítico e caçador-
construção de instrumentos de coletor, moldado pela evolução em
pedra (início do período paleo- milhões de anos, num mundo
lítico). Há 70 mil anos, seres moderno (agrícola e industrial), criado
humanos modernos desenvol- nos últimos dez mil anos.
veram capacidades cognitivas
especiais (revolução cognitiva)
que possibilitaram o surgi-
mento da cultura (conheci-
mento).

Antes a evolução era apenas
biológica. Hoje a evolução
cultural é mais poderosa e
rápida que a biológica. Nos
últimos anos, duas transfor-

MÊS DE ANIVERSÁRIO - CONQUISTAS PARA DIAMANTINA
PREFEITO JUSCELINO ROQUE: “VAMOS FAZER NESTA ANTIGA FÁBRICA OUTRO TIPO DE TECIDO,
O DA IGUALDADE SOCIAL, COM A INSTALAÇÃO DO CENTRO ADMINISTRATIVO”

Na manhã da sexta-feira, do dia 22 de social. Este tecido vamos construir aqui, Diamantina há menos de um ano e o evento, ocorreu a apresentação do grupo
março, a antiga fábrica de tecidos de por meio de um Centro Administrativo, trabalho que vejo aqui, principalmente de Capoeira Cais da Bahia.
Diamantina foi apresentada pelo será o Centro da Cidadania”, armou o na área social, nos enche do orgulho. E
prefeito Juscelino Brasiliano Roque à prefeito Juscelino Brasiliano Roque. isso, sem dúvida nenhuma, é um AQUISIÇÃO DA FÁBRICA
população como a sede das futuras trabalho do senhor prefeito que tem esta
instalações do Centro Administrativo de Junto com o prefeito, compuseram a vocação, este talento, este dom de lidar A antiga fábrica foi declarada de
Diamantina. No evento, que integrou a mesa de autoridades o presidente da com as pessoas e acaba contagiando sua utilidade pública pelo prefeito Juscelino,
agenda positiva de comemorações aos Câmara, Gilson Batista; o vice-prefeito equipe”, declarou o promotor. por meio do Decreto Municipal nº 272,
305 anos de história de Diamantina, foi Adauto Genézio Lopes e o promotor de de 25 de julho de 2017. A aquisição do
anunciada ocialmente a formalização Justiça Dr. Paulo Márcio da Silva, que Também estiveram presentes ao imóvel por meio de desapropriação foi
da desapropriação do terreno, que passa foi homenageado pelo “apoio incondi- evento os vereadores Marcos Juliano, realizada em cumprimento à Lei
agora a pertencer ao município. “A cional na aquisição da antiga fábrica de Kim, e Lucas Werneck, os secretários Municipal 3.988, de 1º de março de
história desta fábrica, onde tantos tecidos, onde será instalado o Centro municipais Rogério Pontes (Saúde), 2018. A antiga fábrica está instalada em
passaram, milhares de pessoas que Administrativo de Diamantina”. “Tenho Maria do Carmo Ferreira da Silva um terreno de 73.243 metros quadrados,
construíram gerações e gerações, que muita honra e prazer de participar deste (Desenvolvimento Social); Arlisson de na avenida Coronel Mascarenhas, no
estudaram seus lhos, que construíram momento tão simbólico. Tenho certeza Souza (Esportes); Sebastião Fernandes bairro Rio Grande. A área construída
cidadania e dignidade, nós vamos que esta administração municipal, (Fazenda); Sérgio Nascimento (Educa- soma 8.692,50 metros quadrados.
continuar de outra forma. Era a máquina representada pelo senhor prefeito ção), entre outras autoridades, lide-
de fazer pano, mas vamos fazer outro (Juscelino Roque) e pela Câmara ranças sociais e moradores de Diaman- PREFEITURA MUNICIPAL
tipo de tecido, que é o da igualdade Municipal (Gilson Batista), está fazendo tina, incluindo ex-funcionários e lhos DE DIAMANTINA
uma verdadeira revolução. Cheguei a de trabalhadores da fábrica. Ao nal do NOSSO MAIOR

PATRIMÔNIO É VOCÊ!

8 jornal VILA D PRÍNCIPE

conceição do mato dentro

Câmara de Conceição lança Parlamento Jovem 2018

Lançamento do segundo ano do projeto aconteceu no plenário da Câmara Municipal
e contou com a participação de autoridades locais e estudantes do ensino médio

Na última terça-feira, dia 27 de março, a Manhães, do advogado e professor José Maria e da
Câmara Municipal de Conceição do Mato Dentro mestra em Teoria do Direito Laura Alves de
promoveu mais um momento marcante: o lança- Oliveira.
mento da segunda edição do Parlamento Jovem no
município. Este poderia ser considerado um evento O lançamento do Parlamento Jovem 2018 foi o
como tantos outros, mas o pontapé inicial do PJ primeiro ato do segundo ano deste importante
2018 simboliza a certeza de que esse importante projeto na Câmara de Conceição do Mato Dentro.
programa chegou a Conceição e está criando A partir do dia 6 de abril, começa a etapa das
raízes. Em breve, a cidade poderá colher os frutos. ocinas do PJ que têm primeiramente o objetivo de
ensinar aos alunos sobre o Poder Legislativo e em
O plenário da Câmara Municipal estava lotado um segundo momento trabalhar a temática
de estudantes do ensino médio que puderam “Violência contra a Mulher” e todos os aspectos
assistir às palestras do Juiz de Direito da Comarca, que envolvem esse problema em nossa sociedade
Dr. André Luiz, do Delegado de Polícia Rodrigo atual.

Vereadores e Prefeito de Conceição trabalham em conjunto

Reunião com o prefeito Zé Fernando foi solicitada pelos vereadores
para entender melhor sobre os aspectos que envolvem
o Projeto de Lei complementar 02/2018.

No dia 04 de abril, se reuniram na Câmara Municipal. Seguindo o mesmo questionamento do trabalho destas pessoas”, esclareceu o prefeito.
Municipal de Conceição do Mato Dentro o prefeito vereador Luiz, os vereadores Rômulo Boy, Gilberto Outro ponto levantado pelos vereadores foi se há
José Fernando (MDB) e os vereadores, a exceção do do Tabuleiro e Sidinei ainda zeram questão de
vereador Tité, que tinha outros compromissos de contextualizar a crise política vivida pelo país, a qual mesmo a necessidade de mais 10 chefes distritais
trabalho, para análise e melhor entendimento das reforçaram que Conceição está na direção oposta. visto que são apenas 11 distritos e já existem pessoas
motivações que envolvem o Projeto de Lei Comple- ocupando este mesmo cargo em vários destes
mentar 02/2018, enviado à Casa Legislativa há Em contraponto aos 4 primeiros, os demais distritos. Em contraposição Zé Fernando esclareceu
aproximadamente um mês e que dispõe sobre a vereadores presentes na reunião, Claudinho, Zoião, a todos que embora sejam apenas 11 distritos,
criação de 29 cargos de recrutamento amplo para a Gleicierrez, Tico do Silvério, Wander do Lain e o Conceição possuí diversos vilarejos e povoados e
Prefeitura Municipal. presidente João Marcos abordaram a importância esses chefes distritais teriam a função de zelar por
deste projeto, tendo em vista o aumento da demanda esses lugares. Como exemplo o prefeito citou Três
Iniciando a reunião, o presidente da Câmara, João do município nos últimos anos em razão da chegada Barras Cubas e Buraco que pertencem ao distrito de
Marcos, agradeceu a presença de Zé Fernando, que de um empreendimento minerário. Tabuleiro e serão contempladas com os Chefes
compareceu à Câmara sem a presença de nenhum distritais.
assessor, e o deixou à vontade para iniciar a reunião Após ouvir todas as manifestações e perguntas, o
antes mesmo que os vereadores zessem suas prefeito começou a responder os vereadores dizendo Com mais esclarecimento acerca dos objetivos da
observações e questionamentos acerca do tema que uma polêmica muito grande havia sido criada em Prefeitura Municipal com este projeto, se iniciou um
tratado. Por sua vez, o prefeito apenas agradeceu a torno deste projeto e que ele tentaria esclarecer momento de sugestões ao prefeito que se mostrou
oportunidade dada pelos vereadores e disse que alguns pontos especícos abordados pelos verea- receptivo em ouvir a opinião de todos e tentar
preferiria ouvir primeiro o que cada vereador teria a dores. A primeira resposta foi a respeito do custo melhorar o projeto de forma conjunta. Após manifes-
dizer para depois prestar os esclarecimentos necessá- destes cargos para o município. Sobre isso Zé tações dos vereadores Gilberto, Rômulo Boy e Luiz
rios. Fernando armou que o custo de todos estes cargos Ocial que sugeriram alterações no que tange ao
no mês seria de 95 mil reais, o que, para o orçamento número de cargos criados, o prefeito decidiu estudar
O primeiro a falar foi o vereador Luiz Ocial, que mensal da prefeitura, não tem impacto quase nenhum tais conselhos e retornar para nova conversa após os
questionou ao prefeito se a criação destes cargos e, portanto, o projeto não oneraria os cofres públicos. vereadores chegarem a um consenso do que consi-
comissionados era realmente necessária para o deram melhor para Conceição.
melhor andamento dos trabalhos da Prefeitura Seguindo sua fala o prefeito ressaltou que apenas
9 dos 29 cargos que estão sendo criados neste projeto Para o presidente da Câmara João Marcos, a
são cargos mais altos e, portanto, mais bem remune- reunião com o prefeito foi extremamente importante
rados e ainda reforçou que a ideia principal desses 9 para melhor compreensão por parte dos vereadores
cargos de chea é valorizar prossionais concur- das motivações do projeto. “Ficou mais claro para
sados que trabalham muito, carregam muita respon- todos nós que a crescente demanda da Prefeitura
sabilidade, e não recebem salários condizentes com a pede nesse momento uma reformulação. As exi-
sua importância. “A ideia principal com a criação gências não são as mesmas de 6 ou 7 anos atrás e a
destes cargos é premiar servidores municipais, em tendência é que aumente ainda mais com a 3ª fase e
sua grande maioria concursados, que carregam esta por isso a importância deste projeto de lei”, nalizou
Prefeitura nas costas e ganham mal. São pessoas que o presidente.
precisam de valorização e nós não temos como
valorizar se não for por meio deste Projeto de Lei. A próxima reunião com o prefeito ainda não foi
Esses quatro cargos de secretário adjunto e cinco marcada, mas os vereadores voltam a se reunir para
cargos de assessor 4 serão todos eles para premiar o tratar desse mesmo assunto nas próximas semanas.

Nota de pesar pelo falecimento Dr. Herbert Carneiro

A Câmara Municipal de Conceição magistratura, é irreparável para a Esta foto foi tirada na última vez
do Mato Dentro, por meio de seus cidade. Dr. Herbert será sempre em que Dr. Herbert esteve na Câmara
vereadores, João Marcos, Claudinho lembrado em Conceição como Municipal de Conceição do Mato
Ziriguidum, Zoião, Tité, Gilberto, exemplo de prossional dedicado, de Dentro, em fevereiro de 2017, para
Gleicierrez, Luiz Ocial, Rômulo Boy, conduta justa e competente. receber uma moção de aplausos
Sidinei, Tico e Wander, expressa o mais aprovada à época por unanimidade
profundo pesar pelo falecimento do Tendo nos deixado no auge de sua pelos 11 vereadores desta Casa.
cidadão conceicionense Herbert José carreira como magistrado, com apenas
Almeida Carneiro, presidente do 58 anos, ca também a tristeza por tudo Câmar Municipa d Conceiçã d Mat Dentr
Tribunal de Justiça de Minas Gerais. o que esse conceicionense apaixonado É p síve f er mai .
por nossa terra ainda poderia fazer pelo É p síve f er diferent .
A perda de tão ilustre conceicio- bem do nosso município.
nense, que lutou por toda sua vida pela
justiça por meio do exercício da

SERRO • ABRIL / 2018 9

dom joaquim

A Prefeitura Municipal, através da Secre- desenvolvimento sustentável por meio de
taria de Desenvolvimento Econômico e Meio assistência técnica e apoio ao produtor rural,
Ambiente comunicou que o convênio com a assegurando condições melhores de trabalho e
EMATER - Empresa de Assistência Técnica e oportunidades aos agricultores, fomentando
Extensão Rural do Estado de Minas Gerais - assim, a economia de subsistência e a local.
foi reativado e o atendimento para toda
comunidade foi restabelecido, do dia FONTE: FACEBOOK DA PREFEITURA
15/03/2018, com o objetivo de promover o

70 ANOS DO HOSPITAL NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS

Aconteceu no dia 03 de março de Nozinho) o idealizador da proposta do Na ocasião, o município foi contem-
2018 a Missa Solene em comemoração busto, ex-prefeitos do município e plado, pelo deputado Tito Torres, com
aos 70 anos do Hospital Nossa Senhora funcionários aposentados que tanto uma belíssima ambulância Tipo D, que
das Graças e em memória do nosso contribuíram para a concretização do foi exposta à comunidade ali presente,
querido Dr. Sebastião Godinho (5 anos sonho de ter um hospital no município. que possibilitará um atendimento
de seu falecimento). Na oportunidade Também marcou presença vereadores, humanizado e com maior conforto.
foi inaugurado o seu busto e a placa que familiares de Dr. Sebastião, prefeito
dá seu nome ao pronto atendimento do Dilsinho, vice João de Aurora e os FONTE: FACEBOOK DA PREFEITURA
Hospital. Deputados Newton Cardoso Junior
(Deputado Federal) e Tito Torres
Entre os presentes, damos destaque (Deputado Estadual).
ao Sr. José Guilherme Neto (Vereador

10 jornal VILA D PRÍNCIPE

Presidente Kubstichek

desenvolvimento cursos de profissionalização

Em prol do desenvolvimento da Sr. Carlos Murta, Secretário de Estado A Câmara Municipal promove curso Ÿ Controle Interno /Publicidade e
cidade de Presidente Kubitschek, o de Cidades, na Cidade Administrativa, de prossionalização do legislativo com transparência
Prefeito Municipal Lauro de Oliveira e tratando de diversos temas de interesse diversos temas:
o Presidente da Câmara Jairo Damas dos do município. Ÿ Orçamento Público
Santos estiveram reunidos com o Ÿ Função da Câmara Municipal e Ÿ Licitações e Contratos
papel do Vereador.

Laurinho Prefeito de Presidente Kubitschek, Carlos Murta Secretário de
Estado de Cidades e Jairo Damas dos Santos Presidente da Câmara.

datas

curso de informática Prefeitura recebe
kit patrulha mecanizada
A Prefeitura Municipal de Datas, em
parceria com a Universidade Federal de O Município de Datas foi bene- município. É a Gestão Atual buscando
Viçosa, conseguiu através de muito ciado com o kit patrulha mecanizada que cada vez mais apoio e melhorias para
esforço providenciar que a universidade será utilizado nos serviços de recupe- nosso município!
ministrasse um curso gratuito de ração de solos, preparo de áreas para
informática para os cidadãos do nosso plantio, tratos culturais, colheita, Administração 2017/2020.
município.O curso contou com a ilustre construção, recuperação e conservação Governo democrático e popular!
presença de nosso prefeito Teco em sua de estradas vicinais. O Governador
inauguração e está sendo ministrado no Fernando Pimentel destacou, em seu Teco com o Deputado Estadual
polo da IFNMG (Instituto Federal do discurso, que a doação deste tipo de Durval Ângelo
Norte de Minas Gerais). A Prefeitura equipamento é muito importante para
gostaria de agradecer a todos pela toda Minas Gerais, que tem a agricultura
participação, e externar um agradeci- como um importante braço da eco-
mento especial a universidade pela nomia. O prefeito de Datas, Teco,
parceria!É a gestão atual, formando agradeceu ao governador pela doação e
parcerias e investindo na educação!A- armou que a patrulha mecanizada vai
dministração 2017/2020. Governo ajudar muito os produtores rurais do
democrático e popular!

FONTE: SITE DA
PREFEITURA MUNICIPAL

GUANHÃES

V Encontro do Desenvolvimento promovido pela ACAM em Guanhães gera
interação entre vereadores de diversas Câmaras de Minas Gerais

No dia 15 de março de 2018, aconteceu no
Plenário da Câmara Municipal de Guanhães o V
Encontro do Desenvolvimento. O evento foi
realizado pelaAssociação de Câmaras Municipais
e Vereadores - ACAM , e teve como objetivo
promover a união e o desenvolvimento através de
várias palestras que facilitaram o conhecimento e
possibilitaram aos vereadores um maior esclareci-
mento e interação sobre as questões que envolvem
o governo referente ao Poder Legislativo com
foco na política de transparência e na imagem do
vereador

III SEMINÁRIO DE ENSINO, PESQUISA de 14 a 19 O III Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão da Puc Serro,
E EXTENSÃO DA PUC MINAS SERRO de Maio dentre outros objetivos, pretende promover um diálogo entre
de 2018 o saber científico e humanístico, para compreender e dar voz
O Ensino, a Pesquisa e a Extensão Universitária às diferentes pesquisas e projetos de extensão realizados dentro
como Meio de Transformação Social
e fora da Universidade. Porque só a partir desse diálogo é
possível haver a formação completa da afirmação da diversidade.

REALIZAÇÃO [email protected] Semepex2018 III Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão da PUC Minas Serro

PUC Minas
Serro

SERRO • ABRIL / 2018 11
3
DIVERTINDO 1 2 56
7 4
CRUZADINHA DE CONHECIMENTOS GERAIS 8 10
9 11 13 14
Horizontais VERTICAIS 12 15

1 - Tubérculo bastante apreciado. 2 - Sentimento existente 16 17
4 - Vendedor ambulante de objetos. entre pessoas que se
7 - Contrário de feio. amam. 18
8 - Aquele que não enxerga. 19
9 - Confederação Brasileira dos 3 - Fruto da macieira.
5 - Capital do Estado de São
Bispos do Brasil. (sigla)
10 - O mesmo que caminhar. Paulo.
12 - Número par entre o um e o 6 - Tirar da sepultura.
8 - Conjunto de casas ou
quatro.
13 - É extraído da seringueira. apartamentos.
15 - Representação do Planeta Terra. 11 - Equipamento utilizado

Emissora de TV. para conservar alimentos.
16 - Mártir da Incondência Mineira. 14 - Tornar independente.
18 - Equipamento tecnológico que 17 - Metal precioso de cor

revolucionou o mundo. amarela.
19 - Superioridade.

QUECBURCAA Teste de Visã CANTINHO DA HISTÓRIA

DESAFIO DA RÃ QUANTOS OITO Vista da cidade, com a Igreja Matriz em destaque, a Igreja de
VOCÊ VÊ NA IMAGEM? N.Sra. do Rosário à esquerda e as palmeiras do cemitério ao fundo.
Fotograa: Assis Alves Horta, 1953 - Fonte: Arquivo do Iphan
UMA RÃ CAIU EM UM POÇO DE 30 METROS DE IPHAN (http://portal.iphan.gov.br/uploads/publicacao/ColImg4_Serro_m.pdf)
PROFUNDIDADE. NA SUA BUSCA POR

SOBREVIVÊNCIA, A OBSTINADA RÃ CONSEGUIA
SUBIR 3 METROS POR DIA, SENDO QUE À NOITE
RESBALAVA E DESCIA 2 METROS. QUANTOS

DIAS A RÃ DEMOROU PARA SAIR DO POÇO?

27 28 30 45789

Participe Teste de Q.I. ‘‘O amor é a força mais
abstrata e também
desta página! Uma ave cumprimenta a mais potente que há
uma tora de madeira. no mundo.’’
A próxima foto ou atividade
dessa página pode ser a sua. que horas são? 02:30 Gandhi

Envie fotos antigas para o 07:30 Para fazer a contagem e facilitar se pare em dois grupos, QUEBRA
Cantinho da História e 01:45 conte na vertical e depois na horizontal. Na vertical CUCA
atividades para o e-mail: 00:00 temos 5 números 8. Na horizontal temos 4 números 8.
08:00 Ou seja, temos nove números 9. Teste de
[email protected] Visã
Durante o dia a rã subia 3 metros, já a noite, descia 2
metros. Sendo assim, em 27 dias a rã terá subido 27
metros. No 28º dia a rã irá subir 3 metros, conseguindo
assim, sair do poço antes de descer os 2 metros.
Resposta: Letra B, 28 dias

Aave cumprimentou "oi" para a "tora". Teste
Juntando: oi tora de Q.I.
Ou então: 8:00 h
Resposta: Letra E

5 - São Paulo 11 - Geladeira

8 - Condomínio 17 - Ouro 3 - Maçã

14 - Emancipar 6 - Exumar 2 - Amor CRUZADINHA

VERTICAIS

7 - Bonito 10 - Andar 15 - Globo 19 - Hegemonia

4 - Mascate 9 - CNBB 13 - Látex 18 - Computador

1 - Batata 8 - Cego 12 - Dois 16 - Tiradentes

Horizontais

Respostas do ‘‘DIVERTINDO’’:

12 jornal VILA D PRÍNCIPE


Click to View FlipBook Version
Previous Book
doTERRA
Next Book
Lindsey Family Impact Report