The words you are searching are inside this book. To get more targeted content, please make full-text search by clicking here.
Discover the best professional documents and content resources in AnyFlip Document Base.
Search
Published by randolfosc, 2021-12-01 15:13:01

REVISTA LETSGO ED 56

REVISTA LETSGO ED 56

netflIX um filho juntos e tentam ter uma Cinema & TV
vida comum no subúrbio da cidade
MaID fictícia de Madre Linda, na Califórnia. glOBOPlAY
Série que prende pela qualidade Basta imaginar: como será a vida
das atuações e pelos temas atuais. de casado de um psicopata? AS fIVe
A faxineira Alex, vivida pela atriz Na trama escrita para a plataforma
Margareth Qualey, passa por mui- SEX EDUcaTION - de streaming, Keyla (Gabriela
tos desafios para cuidar da filha 3ª temPOrAdA Medvedovski), Ellen (Hes-
pequena e para sair de um rela- A trama que, como o próprio nome laine Vieira), Lica (Manoela
cionamento tóxico. Violência física, diz, aborda o sexo sem tabus, gira Aliperti), Tina (Ana Hikari)
psicológica, machismo, sororidade em torno de personagens adoles- e Benê (Daphne Bozaski) se reen-
e a carga extenuante de trabalho centes que estão descobrindo a contram após seis anos sem se
das mães são algumas questões sexualidade. Tudo isso em meio verem e três anos desde a última
levantadas pela produção. Não a muitas roupas coloridas para conversa em grupo no aplicativo de
podemos nos esquecer da atua- compensar os dias frios e cinzen- mensagens. A série gira em torno
ção impecável de Andie MacDowell, tos de uma pequena cidade da de cinco amigas, que tomaram
que vive Paula, a mãe desajustada Inglaterra. A terceira temporada rumos diferentes na vida. Entre os
(e sofrida) de Alex. Sabe aquele mostra essa questão na prática, conflitos e as dificuldades da vida
filme “À Procura da Felicidade”? quando a escola Moordale ganha adulta, um evento marcante faz as
Esta seria uma espécie de versão uma nova diretora: Hope (Jemima cinco amigas se reencontrarem.
com protagonistas femininas do Kirke). Ela não se mostra apenas Em meio à grande São Paulo, elas
sucesso. Alex não perde a ternura, uma pessoa careta, mas conser- percebem que os laços de ami-
apesar da rotina dura. Maratonar vadora e preconceituosa, fazendo zade, até então esquecidos, nunca
a série pode render choro, mas com que os alunos suportem suas deixaram de existir.
vale a pena. ordens por pouco tempo.
mIntA COmIgO 
YOU - 3ª temPOrAdA Em busca de um novo começo para
Um dos títulos que ostentam com o casamento, Anna (Charlie Brooks),
mais tempo a sua posição de série Jake (Brett Tucker) e os dois filhos
mundialmente em alta, lado a lado pequenos fazem as malas e vão
com sucessos como “Round 6”, de morar em Melbourne, na Austrália,
que falamos por aqui no início. Pro- cidade natal de Jake. Com Anna
dução original da plataforma de retomando sua carreira profissio-
streaming, “Você” é mais conhecida nal, o casal precisa contratar uma
pelo título em inglês, “You”, e acom- babá para ajudar com as crianças.
panha a vida de Joe, personagem Quando Becky (Phoebe Roberts)
interpretado por Penn Badgley, chega para assumir a função, a vida
um assassino que “se apaixona” da família começa a ficar estreme-
de forma obsessiva por mulhe- cida. Ao perceber uma mudança
res pelas quais está disposto até no comportamento de Jake, Anna
mesmo a cometer os crimes mais procura refúgio e faz amizade com
brutais. A nova temporada foca a Becky. Mas tudo não passa de uma
nova vida de Joe ao lado de Love armação para provar que Anna não
(Victoria Pedretti), que agora têm é uma boa mãe.

Dez/21 - Jan/22 Let’s Go Bahia | 151

Games

Realidade virtual:

a tecnologia do futuro

Quando se fala em realidade vir- saúde em aprendizagem, seja para Otávio Queiroz
tual (RV), muitos de nós pensamos os pacientes em seus tratamentos.
em filmes de ficção científica como A visualização de ambientes virtuais Editor de conteúdo digital
“Minority Report”. No entanto, a ver- imersivos facilita o aprendizado, visto e fã de jogos eletrônicos
dade é que, hoje em dia, se trata que a pessoa consegue interagir @ottaqueiroz
de uma tecnologia que combina muito mais com o ambiente ao qual
totalmente com o nosso dia a dia normalmente não teria acesso. as pessoas precisarão de óculos
e está sendo explorada cada vez especiais e pulseiras que captam
mais. Empresas já estão investindo Recentemente, o Facebook – que os movimentos da mão, que ainda
milhares de dólares em novos recur- agora ganhou um novo nome e se estão em desenvolvimento.
sos, contando com o avanço das chama Meta – anunciou o seu mais
tecnologias de realidade virtual e novo objetivo: construir um meta- Tudo isso mostra que a realidade
realidade aumentada (RA). Tendên- verso. O metaverso é uma espécie virtual já não é mais ficção cientí-
cias do mercado, essas tecnologias de universo virtual 3D que, segundo fica. Essa tecnologia está integrada
permitem uma imersão virtual sem alguns, será o futuro da internet. A ao nosso presente e, nos próximos
precedentes, abrindo um novo leque ideia é que, no futuro, vamos intera- anos, protagonizará avanços que
de possibilidades de serviços, apli- gir com a internet como se estivés- vão moldar o futuro.
cações e inovação. semos literalmente “dentro” dela. As
pessoas terão avatares virtuais que
A tecnologia vem sendo utilizada serão as suas contrapartes nesse
amplamente na área da Medicina, mundo digital e, por meio deles,
por exemplo. A realidade virtual poderão conversar, trabalhar e se
é útil para diversas finalidades, conectar com amigos e parentes.
seja auxiliando os profissionais de Para entrar nesse mundo virtual,

Reprodução/Internet

152 | Let’s Go Bahia Dez/21 - Jan/22

drOPS Rockstar Games/Divulgação

gtA San Andreas será
lançado para óculos
de realidade virtual

Um clássico da era PlayStation 2,
Grand Theft Auto: San Andreas será
lançado em realidade virtual para o
Oculus Quest 2. Por enquanto não
foram reveladas imagens ou vídeos
do jogo da Rockstar Games, nem
uma data de lançamento. Também
não foi confirmado se GTA San
Andreas também ganhará versões
em realidade virtual para outros dis-
positivos, como o PlayStation VR.

Razer/Divulgação máscara “gamer” será
vendida por r$ 999 no Brasil

Pode ir guardando o dinheiro! Em janeiro,
a Razer, empresa fabricante de periféricos
para o público gamer, disponibilizará a sua
nova máscara “gamer” no Brasil. Chamada
de Zephyr, a máscara conta com filtros N95,
é 99% eficiente na filtragem de bactérias
e filtra 99% das partículas de ar de até 0,3
mícron. O equipamento tem ainda uma janela
transparente para a boca com cobertura
antiembaçante, e iluminação Chroma RGB
nas bordas da saída de ar, que podem ser
controladas por Bluetooth através do app
Zephyr para Android e iOS. A Zephyr pode
durar até 8 horas quando totalmente carre-
gada e chegará ao país custando R$ 999.

Netflix lança plataforma Netflix/Divulgação
de jogos no Brasil
Dez/21 - Jan/22 Let’s Go Bahia | 153
A plataforma de streaming Netflix lançou
seu mais novo recurso de jogos: “Netflix
Games”. Segundo um comunicado da
empresa, os jogos estarão disponíveis
em celulares e tablets Android e iOS em
todo o mundo. Os primeiros jogos dispo-
níveis são Stranger Things: 1984; Stranger
Things 3: The Game; Shooting Hoops;
Card Blast; e Teeter Up. Para acessá-los
basta procurar pela aba Netflix Games,
nos smartphones, ou pela categoria Netflix
Games, nos tablets.

Especial Patrimônios

travessias como se estivesse literalmente atra-
vessando as terras descritas por
Guimarães Rosa, no livro “Grande Rosa, em um lento passo a passo
Sertões Veredas”, faz uma longa tra- até vislumbres sinalizarem encantos.
vessia textual. Do início da obra até O texto de hoje, continuidade da
edição anterior, emula essa expe-
parte considerável do livro, riência: descrever os caminhos até
o leitor sente as ruínas do Recôncavo Baiano.

Marcos Froes

RABsecrauôiínancanasovdoo

154 | Let’s Go Bahia Dez/21 - Jan/22

Nos caminhos terrestres até as sua cultura material (salvo algumas Fragoso e Manolo Florentino) que
principais cidades do Recôncavo, exceções que serão destrinchadas deixou marcas até hoje.
o visitante percorre rodovias ladea- em outro texto).
das pela expressividade do des- No geral, já no século XX sur-
planejamento e abandonos. Qui- A grande riqueza da antiga giram surtos de “progresso” e de
lômetros de terrenos, fazendas, capitania da Bahia, posteriormente incentivos econômicos no Recôn-
entradas de cidades, áreas vazias, província, não advinha da capital cavo Baiano, sem um planejamento
restos de verdes; sinais de como o (Salvador), mas, sim, do Recôncavo. assertivo e macro, pensando na
passar do tempo não, necessaria- Era de lá que a moenda girava com história do entorno. Construiu-se
mente, significa melhorias urbanas base na exploração de escravizados progressivamente a modernidade
e sociais. As antigas vilas viraram por séculos. Um “arcaísmo como de cada época nos escombros de
cidades, grandes cidades, e projeto” (referência ao livro de João um passado decadente. Os símbo-
cresceram sem preservar, los do passado colonial e imperial,
de fato, os resquícios de presentes nos sobrados, sucumbi-
ram em demolições ou desman-
telamentos com as suas mobílias
saqueadas e vendidas Bahia afora.
As cidades-referência de todo um
tempo perderam, assim, os seus
conjuntos urbanos, sobrando alguns
exemplares para contar história.

Baía de Todos-os-Santos,
turismo e histórias: travessias

Rafael Dantas
Historiador

@rafadantashistorart

Dez/21 - Jan/22 Let’s Go Bahia | 155

Especial Patrimônios

Resquícios do açúcar nem de longe lembra a cobertura Marcos Froes
em madeira do século XIX. Quartos
A cidade de São Francisco do e demais cômodos são labirintos O conjunto é composto por igreja
Conde, na Bahia, é um dos luga- desocupados que apontam para e ordem terceira com dois pisos e
res que caminhou seguindo os longos corredores que hoje são claustros. A belíssima galilé possui
passos do açúcar e da escravi- residência do pó. cinco arcos destacando a área que
dão, tomando outros contornos precede a igreja.
em meados do século XX com o A monumentalidade
petróleo. A abundância do óleo da fé Internamente, infelizmente, a
negro trouxe riqueza e mudanças, talha barroca se perdeu com o
mas, mesmo com todo o dinheiro, Voltando para a cidade, torres pira- passar dos séculos, só restando
seguiu ao longo da segunda metade midais, com azulejos em ziguezague, um altar na entrada lateral e outros
do século XX o caminho das demais sinalizam a força da fé na região. A exemplares, juntamente com a mobí-
cidades. Ainda assim, seu centro igreja e o convento estão localiza- lia, na sacristia. Belos painéis em
antigo preserva belos sobrados dos no alto da colina, cobrindo os azulejos portugueses transmitem
e igrejas que são referências da arredores em contato com o rio e a a força iconográfica de pregar e
religiosidade no entorno. baía. Datado de meados do século divulgar passagens bíblicas, cató-
XVII, o Convento de Santo Antônio licas, em imagens. Ao todo, são
Longe dos ares urbanos, já do integra o roteiro de conventos fran- mais de 60 cômodos, 90% deso-
outro lado do rio, é que o vislumbre ciscanos no Recôncavo da Bahia. cupados, mas carregados de his-
de passado aparece. O Engenho tórias. No entardecer, o visitante
Cajaíba é um dos poucos exem- observa os séculos passados no
plares que continua de pé, de toda
uma Bahia que era dominada pelos Rafael Dantas
engenhos, mas que hoje são raros
ainda existir.

A travessia só pode ser feita de
barco e uma das opções é sair por
um atracadouro improvisado na
frente da antiga Imperial Escola
Agrícola da Bahia, de 1877, hoje
arruinada. Cruzando o Rio Serji, com
águas calmas e um desbunde de
vegetação ainda preservada, avista-
se o imponente conjunto composto
do sobrado e fábrica/engenho. O
desembarque não é fácil e entra-se
pela lateral, próximo à antiga fábrica
que mostra sinais de arruinamento
com parte do telhado já no chão.

Possivelmente, a estrutura mais
antiga ainda de pé é a fábrica, o
sobrado data de meados do século
XIX e possui dois pavimentos com
planta em forma de “U”. A impo-
nente fachada debruça-se em
direção ao rio. De cor amarelada
bem característica, possui elegan-
tes portas e janelas na fachada e
um escada que dá as boas-vindas
para o andar superior. No interior,
os ricos salões hoje são preenchi-
dos pelo vazio, sem o requinte de
mobiliários e decorações do pas-
sado. Uma mesa em madeira nobre
e dois buffets repousam parcial-
mente destruídos, lembrando que
ali já foi um lugar habitado. O forro

156 | Let’s Go Bahia Dez/21 - Jan/22

rio, nos casarios e no horizonte da O engenho Cajaíba Marcos Froes
Baía de Todos-os-Santos. é um dos poucos
exemplares que ver ruir conventos na beira do rio ou
Apesar de o conjunto arquitetô- continua de pé. igrejas de traçado único em fazendas
nico não estar arruinado, nota-se cheias de gado. Na verdade, é inacre-
a necessidade de restauro e inves- novas ou descaracterizadas; cena ditável que ainda hoje não tenham
timentos para potencializar a área distante dos sobrados do século notado a potencialidade que o nosso
no sentido turístico. Comparado XIX que ainda existiam na primeira rico patrimônio histórico possui.
aos outros conventos existentes, metade do século XX. O progresso Potência que não está somente
que seguem as mesmas linhas e a riqueza, quando chegam sem nos caminhos de inves-
em Cachoeira e em Cairu, ele é o sensibilidade e sem lembranças de timento financeiro e
mais preservado, mas carece de pertencimento, são destrutivos com turístico, mas também
um assertivo plano de uso e melhor tudo que os cerca. na importância de cuidar
aproveitamento de todo o espaço da identidade local. Uma
existente. É uma joia do século XVII Com a criação dos órgãos de pro- longa travessia ainda virá
protegida pelos religiosos que lá teção histórica, na década de 30 do pela frente.
residem, juntamente com os repre- século XX, no Brasil, e uma maior
sentantes da cidade que fazem de sensibilização e entendimento de
tudo para preservar o patrimônio parte das pessoas, o cenário come-
de São Francisco do Conde. çou a mudar, mas muito se perdeu
e ainda hoje continua
Caminhos tortuosos desaparecendo. É
de progresso inacreditável

O passar do tempo pode ser peri- Rafael Dantas
goso. O tempo se encarrega de
deixar sinais em tudo. Paisagem
natural, construções e o homem com
suas ações sofrem inevitavelmente
a travessia temporal. Quando existe
sensibilidade em projetos assertivos
voltados para a comunidade e para
o patrimônio todos ganham, mas
quando esse sentimento não existe,
o patrimônio histórico é arruinado
e a cidade também.

Em Cachoeira, cidade-monu-
mento da Bahia, encontra-se feliz-
mente o oposto, parte significativa
do rico sítio foi preservada, dando
um ar retrô às ruas, praças e ladeiras
que tão bem representam o que
era a cidade séculos atrás. Mas a
situação está distante de ser um
paraíso de proteção; notícias de
dez anos atrás já apontavam des-
caracterizações e demolições, o que
ainda acontece principalmente nas
áreas dos arredores do centro ou
mesmo no centro antigo, com o
arruinamento do Hotel Colombo.

Em Santo Amaro, lugar que
passou por um surto de riqueza
expressivo no século XX, parte
significativa dos conjuntos de
casarios desapareceu. O centro
da cidade é um quebra-cabeça de
prédios antigos com edificações

Dez/21 - Jan/22 Let’s Go Bahia | 157

Crônica

Ojáfcuhteugroou

Assim que a Organização Mundial melhor, que só depende de cada Malu Fontes
de Saúde decretou que o mundo um, não do contexto lá fora, de
estava sob o estado de pandemia, adversidades, nem do espírito do Jornalista, doutora em
lá em março do ano passado, as tempo. Procura-se quem acredita Comunicação e Cultura
redes sociais foram contaminadas nisso, com exceção dos coaches, Contemporâneas e professora
por uma onda que depois virou que fingem muito bem e precisam do curso de Jornalismo da
piada e até ganhou apelido male- continuar.
dicente e pejorativo. Blogueiras, Facom/UFBA.
celebridades, influencers e abraça- Língua de fora, [email protected]
dores de árvores escreviam textos Natal e eleições
fofos anunciando que, finalmente, o Cursos: @varal710
ser humano e o planeta iriam fazer O detalhe que ninguém conta, estudio[email protected]
as pazes, encontrar o equilíbrio. ou não explica direito, sobretudo
aos brasileiros que crescerem e redor parece um tanto cansado
O argumento era: o vírus viera amadurecerem seduzidos com da arte de sempre viver da fé de
para ensinar muitas coisas, como que tudo vai ficar bem, mas no
obrigar os workaholics a pisarem Uma das poucas futuro.
no freio, as mães ausentes a verem coisas que
os filhos crescerem, os pais ocu- o vírus ensinou, Estamos todos meio que com
pados a lavarem os pratos, os e com inveja dos adeptos da teologia da
hiperativos a cultivarem cactos demonstrações prosperidade instantânea, aquelas
e rosas-do-deserto e o planeta a práticas, foi multidões que lotam templos e,
respirar ar puro. Essa era a expec- que a vida é fingido ignorar o azedume do real,
tativa. A realidade, sabe-se, foi bem sopro e os estão lá, firmes, perseverando (sic),
outra. A polarização entornou, as amanhãs convictas de que esse negócio
pessoas se afundaram no álcool e são hipóteses de ser feliz na vida eterna, num
na tarja preta, as crianças foram futuro cósmico que ninguém sabe
engolidas pelas telas, e quase sur- a máxima de que o Brasil era o como é, com exceção dos fanáti-
tamos com a overdose de lives. país do futuro, é que o futuro já cos, demora muito e não está com
E haja divórcios. chegou. E chegou com uma cara nada. A gente tem pressa, vamos
tão diferente da que esperávamos admitir. A gente quer mesmo é
Quase dois anos depois, a tese que nem nos demos conta. Os uma alegria para agora, nesta vida
do vírus-professor foi esquecida, anos de 2020 e 2021 estenderam de hoje.
as manifestações haribos passaram dores, eclipsaram festas, encontros,
a ser chamadas de positividade celebrações e, agora, que a vida Sentimos muito, mas dá para
tóxica e a tal da humanidade que parece acenar com possibilidades sermos alegres já, neste futuro
sairia melhor e mais evoluída da de voltar à normalidade, o país ao que já chegou e chegou meio
pandemia está aí, cada vez mais pálido, meio desnutrido, com a
faca na bota e afiadíssima na arte língua de fora? Uma das poucas
do cancelamento e do linchamento coisas que o vírus ensinou, e com
virtual. Mas já temos outra onda demonstrações práticas, foi que
para surfar: o máximo agora é a vida é sopro e os amanhãs são
desaprender. Está na moda o man- hipóteses. Ah, e cuidado: a chance
tra. É o verbo da vez. Desaprender das eleições de 2022 invadirem o
tudo o que fazemos e sabemos. cardápio do Natal é alta.
Para fazer diferente, fazer melhor
e, claro, construir aquele futuro

158 | Let’s Go Bahia Dez/21 - Jan/22




Click to View FlipBook Version
Previous Book
Възможностите-в-Германия
Next Book
2